Voxel

Detalhes sobre Black Ops e o oitavo Call of Duty

Último Vídeo

Img_original

Claro, Black Ops é o centro das atenções, mas muitos já sabem que a desenvolvedora Sledgehammer Games está trabalhando no oitavo título da franquia Call of Duty. Esse misterioso FPS está previsto para chegar aos fãs no ano que vem, mas ainda há poucas informações sobre o game.

Glen Schofield, cofundador da Sledgehammer, disse no último dia 10 — via Twitter — que a companhia está trabalhando com militares da vida real. Será que certos eventos retratarão situações inspiradas na vida real?


“Trabalhando com os militares – as histórias deles impressionarão vocês. Os nomes e as localidades vão mudar, mas algumas situações aparecerão no game – coisas reais!”

Além disso, o Twitter do executivo sugere que o som do jogo em questão será melhor que os efeitos sonoros criados pelos desenvolvedores em Dead Space (Schofield é um ex-EA). Atualmente, a Sledgehammer está contratando compositores.

Novidades de Black Ops

O título previsto para chegar aos usuários das plataformas PC, PlayStation 3, Xbox 360, Nintendo Wii e Nintendo DS em novembro deste ano foi contemplado com novos dados. O último vídeo multiplayer mostrou alguns dos killstreaks — habilidades extras que servem como recompensa por assassinatos consecutivos, sem que o jogador morra entre eles — que estarão presentes no jogo.

Vale lembrar que os killstreaks não são necessariamente ofensivos. O Care Package, por exemplo, é um item de suporte, visto que entrega munição ou um killstreak extra ao combatente. Dito isso, confira os killstreaks revelados até o momento (velhos e novos) pelo site cod7blackops.com. Lembrando que as imagens abaixo pertencem ao pessoal do site:

  • RC Bomb (três kills em sequência)

É simplesmente uma bomba em um carrinho comandado por controle remoto. A explosão pode dizimar um pequeno grupo de oponentes.

  • Care Package (quatro kills em sequência)

Como citado acima, o CP contém munição ou um killstreak aleatório. Funciona de forma semelhante ao que ocorre em Modern Warfare 2, mas a animação de um helicóptero derrubando o pacote indica que será possível atirar no objeto mais facilmente devido à altitude e à velocidade. O item pode ser visto no radar por todos; se estiver vermelho, o CP pertence aos inimigos.

  • Archangel (cinco kills em sequência)

O substituto do Predator Missile, talvez? Enfim, o importante é que o Archangel é um míssil lançado por cima dos ombros do soldado e pode ser guiado para todas as direções. O raio da explosão é moderado, e parece que o item deve ser “chamado” — como o CP — e coletado por alguém antes de poder ser utilizado.

  • Helicopter

O tão conhecido (e temível) helicóptero de combate que ronda o mapa e ataca os inimigos por um período limitado de tempo.

  • Airstrike

Ao que tudo indica, o uso deste killstreak será Como em Modern Warfare 2: a direção do ataque aéreo poderá ser determinada pelo jogador.

  • Artillery Strike

Inicialmente apresentado em World at War (no caso, cinco kills em sequência), o Artillery Strike é ativado através do radar e bombardeia a área escolhida.

  • Napalm Strike

Semelhante ao Airstrike. A única diferença é o fogo deixado no chão pelo Napalm. Quem passar por cima das chamas morre rapidamente.


Por fim, o pessoal do cod7blackops.com ainda comentou o aparecimento das armas Famas, Accuracy International AW e Ballistic Knife e do perk conhecido como Bling (possibilita a utilização de dois acessórios para uma arma).

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.