Sem muitas dificuldades, Keyd e Cnb se mantêm no CBLoL

Sem muitas dificuldades, Keyd e Cnb se mantêm no CBLoL

Último Vídeo

Não é comum ver duas das equipes mais tradicionais de LoL no país na Série de Promoção. Keyd e CNB tiveram que enfrentar a Iron Hawkes e a Operation Kino (OPK), respectivamente, para permanecer no maior campeonato brasileiro da modalidade. Como já era esperado, os times do CBLoL abusaram da experiência e da paciência para vencer ambas as séries por 3-0.

O confronto do último sábado (5) mostrou como o CBLoL estava muito na frente do Circuito Desafiante neste semestre. Mesmo com toda a pressão nas costas, a Keyd demonstrou experiência e paciência para sair com a vitória. Jogando com muita calma e tática, os Stars só precisaram focar no básico, como farm, controle de visão e foco nos objetivos, para vencer a série contra a Iron Hawkes. Veja aqui os jogos.

Em um split muito conturbado por problemas com a comissão técnica e com os jogadores, era a vez de a CNB honrar a história da equipe. Contra a OPK, os blumers contaram com ótimas apresentações de LEP, Tinowns e PbO para conquistar a vitória e permanecer na elite do LoL brasileiro. Destaque para o mid laner que ganhou o MVP nas duas últimas partidas e para LEP que trouxe novamente a Irelia no último jogo e conquistou 4 abates em 14 minutos. Assista aqui à série.

Com o resultado, a equipe campeã do Circuito Desafiante, KaBuM!, foi a única equipe promovida para o 1º split do CBLoL 2018. Fazendo o caminho inverso, a TShow, que fez a pior campanha do campeonato brasileiro, reafirma a maldição de que toda equipe que é campeã do circuitão é rebaixada do CBLoL no semestre seguinte.

Keyd vs. Iron Hawkes

Essa foi a primeira vez que a Keyd Stars participou da Série de Promoção. A maioria os apontava como os favoritos, por isso a pressão poderia atrapalhar na hora do jogo. Mas não foi o que aconteceu. Já na primeira partida, as estrelas mostraram calma e paciência e tiveram pouquíssimas falhas. Foi um verdadeiro atropelo. Com a vantagem de 10 mil de ouro, eles só precisaram de 26 minutos para sair na frente.

Se no primeiro jogo a Iron Hawkes parecia morta, eles perceberam que não podiam cometer o mesmo erro. Logo no começo da partida, os representantes do Circuito Desafiante fizeram rotações arriscadas para conseguir abates na rotas laterais. Mas com pouca coordenação das corujas, a Keyd frustrou a maioria das tentativas e conseguiu sair do early com vantagem de ouro e objetivos fazendo apenas o básico. Com um Cho’Gat com quase 5 mil de vida, a Keyd abriu 2-0 no placar em apenas 32 minutos de jogo.

Era agora ou nunca para a Iron Hawkes. Eles entraram com sangue nos olhos e, dessa vez, conseguiram uma vantagem no começo do jogo. Era o primeiro passo para conseguir a primeira vitória. A Keyd sabia que só precisavam atrasar a disputa, pois tinham uma composição que se sairia melhor no mid/late game. Os Stars se defenderam bem até a hora que Takeshi (de Syndra), começou a fazer estrago. O mid laner foi o destaque da partida e terminou 9/1/6.

CNB x Iron Hawkes

Mesmo com uma melhora nas últimas duas semanas da fase de grupos do CBLoL, alguns ainda duvidavam da CNB. Logo na primeira partida, os blumers mostraram que estavam em dia com a mecânica do jogo. Em 8 minutos, PbO e Wos conseguiram um double kill na bot lane, sem a ajuda do resto da equipe. Enquanto isso, as outras lanes também obtinham vantagens nas próprias rotas. A OPK estava em apuros e não respondia às investidas da CNB. Com o bônus de Barão, a CNB conseguiu um ace, sem perder ninguém, e só precisou ir para a base inimiga para vencer o jogo em 35 minutos.

Para a segunda partida, a OPK escolheu uma composição muito agressiva com Jarvan IV, Rek’Sai e Thresh. Por isso, eles precisavam conquistar vantagens cedo, para que o jogo rodasse da melhor forma possível. Mas a CNB era experiente e sabia o que tinha que fazer para vencer. Eles se defenderam bem e conquistavam objetivos de torres e dragões. Os blumers esperaram a hora certa para serem agressivos. Ela veio. Com pickoffs consecutivos, os representantes do CBLoL aumentaram ainda mais a vantagem e encerraram o jogo em 39 minutos.

Foi difícil saber quem foi o melhor da CNB na terceira partida. LEP e Tinowns mostraram por que são tão reconhecidos de Irelia e Tallyah, respectivamente. O top laner atropelou a fase de rotas e conseguiu abater seu adversário quatro vezes em apenas 14 minutos, com uma campeã que há muito tempo está longe do competitivo. Por outro lado, o mid laner blumer conseguiu ultimates incríveis que foram essenciais para vencer as team fights. No final, a CNB terminou a série com 16/6 no placar e conquistou a permanência no CBLoL.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.