Voxel
11
Compartilhamentos

Diretor de Payday 2 diz que shooters não precisam de explosões para ser bons

Último Vídeo

Img_normal

Segundo David Goldfarb, diretor do jogo Payday 2, alguns estereótipos circulam em muitos dos atuais títulos de tiro – concepções de que eles necessitam possuir obrigatoriamente grandes explosões ou cenas de ação cinematográficas para serem bem-sucedidos.

Como o primeiro jogo da série, Payday: The Heist, foi um grande sucesso, Goldfarb disse que ficou bastante empolgado para colocar suas outras ideias em prática no próximo título. "Eu acho que nós ficamos muito felizes quando percebemos que não precisamos explodir prédios durante os jogos para entusiasmar as pessoas", relatou o diretor em reportagem do site Pixel Enemy.

"O mercado demanda por coisas que sejam diferentes. PayDay é um jogo diferente e único, por isso foi bem recebido. Ser original nesse mundo de mesmice e de repulsa por riscos é sempre um posicionamento mais forte perante as equipes de comercialização e de investimentos", definiu Goldfarb.

Por essas razões, o diretor diz que não tem medo de inserir mais um shooter em um mercado que já dispõe de inúmeros jogos do gênero. Vale lembrar que Goldfarb já trabalhou em títulos como Battlefield: Bad Company 2 e Battlefield 3 – e talvez tenha feito referência às suas produções anteriores nas declarações. Payday 2 será lançado para PlayStation 3, Xbox 360 e PC em 3 de agosto.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.