Dying Light 2 teve seu universo e suas regras definidas por Chris Avellone
02
Compartilhamentos

Dying Light 2 teve seu universo e suas regras definidas por Chris Avellone

Último Vídeo

Responsável pelo roteiro de games como Fallout 2, Baldur’s Gate e Planescape: Torment, entre diversos outros RPGs de renome, Chris Avellone é um dos principais nomes por trás de Dying Light 2. A Techland envolveu o escritor desde o início do desenvolvimento, permitindo que ele ajudasse a moldar seu mundo e a história de fundo da experiência.

Dying Light 2

“Ele está conosco desde o início”, afirmou o designer Tymon Smektala em uma entrevista à Digital Foundry. “Ele nos ajudou a definir essa ideia dos tempos sombrios modernos, um cenário único que temos no game. É um cenário que explica, apresenta um mundo em que a civilização voltou à Era das Trevas. Mas tudo que você vê ao redor é bastante moderno”.

Uma nova Era das Trevas

“Talvez isso não esteja funcionando, mas as coisas que tomamos como certas agora — as coisas que vemos para fora de nossas janelas, são artefatos de um tempo anterior. Agora tudo é brutal, primal e implacável. Chris Avellone nos ajudou a definir esse mundo, definir as regras que o governam, e ajudou a definir as facções que operam na cidade”, explicou Smektala.

Dying Light 2

No campo técnico, o desenvolver afirma que a Techland quer que Dying Light 2 rode a 60 FPS para preservar a fluidez de seu sistema de movimentos. Com versões para PlayStation 4, Xbox One e PC, o novo game ainda não teve sua data de lançamento revelada pelos desenvolvedores.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.

Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Participe agora deixando seu comentário Acesse sua conta
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários