Voxel

Em vídeo, chefão da Remedy fala sobre futuro da franquia Alan Wake

Último Vídeo

Em vídeo postado no Humble Bundle, o chefão da Remedy Entertainment, Sam Lake, falou sobre o futuro de uma das franquias exclusivas de sucesso da Microsoft, Alan Wake. O criador dissertou um pouco sobre a decisão de criar uma nova experiência com Quantum Break em vez de revisitar a consagrada série de suspense da Remedy.

No vídeo acima, “cara a cara” com nós, jogadores, Lake disse que trabalhar no desenvolvimento de Alan Wake é um “grande mergulho” e que os fãs merecem algo “ambicioso” no próximo título da franquia.

“Muitas coisas precisam estar delineadas para um game dessa grandiosidade. Do ponto de vista criativo, seria incrível se pudéssemos simplesmente criar algo muito bacana sem necessariamente se preocupar com dinheiro, mas sabemos que não é o caso”, disse o chefão no vídeo.

Um número interessante citado por Lake foi sobre as vendas e a repercussão que Alan Wake teve no mercado quando foi lançado. Segundo o criador, o sucesso fomentou-se com o tempo; o game demorou para engrenar. “Não foi um grande hit de vendas quando foi lançado. Com o tempo, no entanto, acumulou bons números e hoje soma mais de três milhões de unidades vendidas, que é uma quantidade expressiva”, declarou no vídeo.

Img_normal

Sobre uma possível sequência para o game de suspense, Lake é enfático: “Não era o tempo certo para lançar uma sequência. Alan Wake é muito querido por mim e por todos da Remedy. Nós definitivamente queremos continuar trabalhando na franquia. Desejo criar algo novo quando o momento for adequado”.

Como todos já sabemos, Quantum Break, demonstrado como um dos games exclusivos do Xbox One no evento de apresentação do console na última terça-feira, está sendo desenvolvido pela mesma Remedy, o que gera um certo hype positivo em torno do game. No vídeo acima, Lake diz que o game “é maior do que qualquer coisa que criamos antes”.

“Colocamos tudo que aprendemos com Alan Wake e Max Payne em Quantum Break para criar uma experiência sem precedentes”, completou.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.