Voxel

Engine de Call of Duty: Ghosts é nova, mas não foi feita do zero

Último Vídeo

Em um dos vazamentos de informações de Call of Duty: Ghosts, consta que a experiência do game será em uma engine de próxima geração “totalmente nova”. Antes que os fãs tirassem conclusões precipitadas, o chefe de animações da Infinity Ward, Zach Volker, acalmou os ânimos dos jogadores sobre o motor de jogo.

Primeiro, ele esclareceu que não se trata de uma engine totalmente nova, feita do zero, mas uma constante modificação de sistemas já existentes, o que significa que certos aspectos dos games antigos serão mantidos, caso sejam considerados necessários, enquanto outros sofrerão atualizações.

Segundo Volker, a necessidade de mudança veio pela possibilidade de criar elementos adicionais ao jogo por causa da maior potência dos consoles de nova geração. Ainda assim, refazer a engine do zero seria algo trabalhoso demais, levando à exaustão uma equipe de 200 engenheiros para concluir o desenvolvimento em apenas dois anos.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.