Voxel

Engine Frostbite não terá suporte ao Wii U

Último Vídeo

Img_normal

Em uma entrevista para o site Eurogamer, Patrick Bach, o principal responsável por Battlefield 4, e o produtor, Tobias Dahl, comentaram novamente sobre o motivo de Battlefield 4 não estar presente no Wii U.

Segundo Bach, a DICE já estabeleceu um padrão mínimo de qualidade e não pretende trabalhar abaixo disso:

“Nós não temos suporte ao Wii U na engine Frostbite. A principal razão é que isso exige tempo de desenvolvimento. Em que devemos focar para criar a melhor experiência possível de Battlefield? Estamos focados no PC e nas plataformas da geração atual, além de outras plataformas do futuro sobre as quais não podemos falar ainda”.

“É importante entender que se trata de foco e definir as marcas. Onde começar? Qual é o mínimo? Qual é o máximo? Qual a escala do meio?”

O produtor Tobias Dahl também deu a sua opinião:

“Nós temos uma longa experiência com escalabilidade. Nós sempre estivemos fazendo jogos de PC. Entretanto, nós não queremos despachar jogos diferentes dependentes da plataforma. Nós precisamos definir o limite em algum lugar”.

Patrick Bach completou:

“Em teoria, nós provavelmente poderíamos fazer um jogo para Wii U, mas para tirar o máximo de proveito do console, teria que ser um jogo diferente por causa dos diferentes periféricos (como o controle do Wii U, por exemplo)”.

“Nós também poderíamos fazer um port do Battlefield para o Vita. Mas que tipo de jogo seria? É algo que poderia ser escalado para baixo a partir do que você viu no vídeo da jogabilidade, ou será que tem que ser um jogo completamente diferente?”

A notícia de que a engine Frostbite não terá suporte ao Wii U não é muito animadora para a Nintendo, uma vez que muitos títulos da EA já estão sendo desenvolvidos a partir dela. Dois exemplos são Mass Effect 4 e Dragon Age 3, além de Battlefield 4, que não devem pintar no console da Big N.

A Epic Games também anunciou que o novo motor gráfico da companhia, a Unreal Engine 4, não deverá estar presente no Wii U.

Fonte: Eurogamer

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.