“Equilíbrio” e "personalidade" respondem pelo sucesso de Shadow Mordor

“Equilíbrio” e "personalidade" respondem pelo sucesso de Shadow Mordor

Último Vídeo

Impossível negar que Middle-earth: Shadow of Mordor deixou uma impressão de “bem melhor do que a incomenda”. Afinal, não faltava quem atribuísse apelidos pouco lisongeiros ao game no início, apontando o que poderia ser uma cópia de Assassin’s Creed. Muito longe disso, o game mostrou qualidade ímpar tanto em termos de história quando de jogabilidade.

Nada que a Warner Bros. não houvesse projetado cuidadosamente, é claro — embora o próprio estúdio tenha se surpreendido um pouco com a recepção. “Imaginávamos que teria alguma aceitação, mas foi além do que esperávamos”, disse o vice-presidente de produção do game, Peter Wise, em entrevista ao BJ, durante a última edição da feira Brasil Game Show. “As pessoas gostaram do sistema Nemesis, o fato de que qualquer Orc pode se tornar alguém que você procura em busca de vingança.”

Hierarquia orc

No que se refere ao curioso sistema hierárquico de Shadow of Mordor, o desenvolvedor afirma que a ideia foi “dar um toque extra de personalidade” ao projeto — algo além de simplesmente fazer com que os inimigos tombem e morram em campo. “Você vê o reflexo do que eles fazem no mundo, fomos refinando isso até encontrar o balanço correto”, disse Wise.

Novos conteúdos a caminho

Quando perguntado sobre possíveis continuações para Middle-earth: Shadow of Mordor, Wise explicou que, no momento, o foco da Warner Bros. está na produção de conteúdos adicionais. “Haverá dois extras relacionados à história e outros que adicionarão pequenas missões”, disse ele.

“Teremos também o Trials of War, que consiste em ver o quão rápido você consegue derrotar o exército de Sauron para entre no placar mundial.” Em relação a este último, ele acrescenta que serão desafios sempre iguais, a fim de que você possa testar a sua velocidade. Quando perguntado sobre a chegada dos conteúdos, entretanto, ele se limitou a um “você não vai precisar esperar muito para jogá-los”.

Middle-earth: Shadow of Mordor tem sua trama localizada entre os eventos dos livros “O Hobbit” e “O Senhor dos Anéis”, do escritor J. R. R. Tolkien. Em nossa análise, nós dissemos que “Shadow of Mordor não apenas superou as expectativas de todos com excelente jogabilidade e ambientação, como ainda é capaz de agradar tanto a fãs quanto a não fãs de Tolkien”.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.