Voxel

Estúdios independentes não poderão autopublicar seus jogos no Xbox One

Último Vídeo

Img_normal
Como a conferência da Microsoft não focou tanto em games quanto os jogadores desejavam, muita dúvidas sobre as possibilidades do Xbox One ficaram em aberto. É o caso da participação dos jogos independentes, que permanece um mistério desde que a empresa não comentou uma única palavra sobre o assunto. E se a companhia não comenta, os próprios desenvolvedores botam a boca no mundo.

De acordo com o site ShackNews, o novo Xbox não vai permitir que os estúdios independentes autopubliquem seus títulos. Em outras palavras, para que seus jogos possam ser lançados na LIVE, eles precisarão do apoio de uma distribuidora, seja ela a Microsoft Studios ou outra companhia do ramo.

Em entrevista à página, o gerente geral do Microsoft Game Studios, Matt Booty, comentou que a empresa vai continuar com as exigências presentes para publicação no Xbox 360 e que isso faz parte dos novos modelos de negócios adotados pela marca.

No entanto, com o fim da Xbox LIVE Arcade e Xbox LIVE Indie Games, os pequenos desenvolvedores terão ainda mais problemas para lançar seus jogos. E é aí que começa a briga.

A reação dos desenvolvedores

E é claro que a política da Microsoft ia resultar em revolta entre os desenvolvedores. Em seu perfil no Twitter, o criador de Fez, Phil Fish, comentou que a Microsoft não se importa com os produtores independentes e que ela parece não entender que os pequenos de hoje podem ser os grandes de amanhã.

(Fonte da imagem: Reprodução/Meme Generator)
Além disso, Fish conta que a maioria dos produtores que ele conhece já deixaram claro que não querem publicar seus jogos no Xbox One — incluindo aqueles que já contam com a parceria de outras empresas e que, teoricamente, teriam condições de lançar seu game na LIVE.

Além disso, o desenvolvedor de negócios da Nintendo, Dan Adelman, comentou na rede social que a decisão da Microsoft é bastante negativa, pois limita a participação dos estúdios independentes e que eles precisam, na verdade, é de mais exposição e visibilidade.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.