Evolution Studios revela alguns detalhes da produção de DriveClub

Evolution Studios revela alguns detalhes da produção de DriveClub

Último Vídeo

DriveClub enfim possui uma data de lançamento definida: 7 de outubro. Quem está acompanhando a produção do game já imagina que esse é um projeto grande, e a Evolution Studios decidiu revelar alguns detalhes sobre o desenvolvimento do título. 

A primeira informação dada pela empresa é que os carros do jogo foram construídos com 260 mil polígonos. Além disso, cada veículo presente no título levou sete meses para ficar pronto, e a equipe de desenvolvimento utilizou material vindo diretamente das fabricantes para dar vida a eles. 

“Somos obcecados no que diz respeito a detalhes. Como essa é uma nova propriedade para PlayStation 4, nós começamos do zero e não olhamos para ela como se estivéssemos adaptando algo do PlayStation 3 para o novo console”, explicou Niel Massam, um dos responsáveis pelo design dos veículos. 

Também foi dito que danos ao carro não vão afetar o desenrolar da corrida, já que a equipe quer que eles sejam bem-vistos pelas fabricantes e, principalmente, que os jogadores ainda sejam capazes de reconhecê-los após uma batida. Outra menção feita por Massam é que os modelos presentes no game são tão bonitos quanto suas contrapartes reais. 

Direção e detalhes

Além da semelhança visual, a produtora Evolution Studios também realizou alguns testes com os carros presentes em DriveClub para garantir que a sensação de dirigi-los não seja algo problemático. Porém, o sistema de freio não vai seguir o que é visto no mundo real. 

“Não queremos que isso seja algo difícil para os jogadores. Se eu dirigir como um novato eu posso frear depois e não vou sair da pista. Não é uma punição. Ou, se eu quiser dirigir com precisão, posso levar o carro para qualquer ponto da pista, pois ele possui um bom balanço no que diz respeito à direção”, explicou a produtora. 

Outro ponto mencionado é que a empresa está trabalhando junto com a Thrustmaster para garantir que a direção utilizando volantes como acessório seja fiel a sensação de guiar um carro de verdade, mas que aqueles que utilizarem controles não serão prejudicados em sua escolha. 

Por fim, foi dito que o time de desenvolvimento também tomou cuidado no que diz respeito ao nível de detalhes apresentado no jogo. Um circuito situado no Canadá, por exemplo, tem um milhão de árvores em sua extensão, e o movimento das nuvens e da grama é algo dinâmico. Há ainda as mudanças na iluminação baseadas na posição do Sol e na estação do ano na qual a corrida acontece, bem como animações próprias para os pilotos no momento em que entram no bólido.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.