Ex-CEO da Starbreeze culpa devs pelo fracasso de The Walking Dead
44
Compartilhamentos

Ex-CEO da Starbreeze culpa devs pelo fracasso de The Walking Dead

Último Vídeo

Em meio a uma crise financeira que pode decretar seu fim, a Starbreeze continua revelando como o desenvolvimento de Overkill’s The Walking Dead foi problemático. Após os desenvolvedores responsáveis revelarem que não botavam muita fé no game, um email escrito pelo ex-CEO afirma que foram eles os culpados pela baixa qualidade do material final.

Na mensagem de despedida enviada aos funcionários do estúdio, Bo Andersson afirmou que havia cada vez menos pessoas no time disposta a dar os cuidados adicionais que o game precisava. “Pessoalmente perdi todo meu dinheiro, minha família em meu divórcio e a custódio de meus filhos graças ao trabalho dos últimos 2-3 anos de 100 horas de trabalho semanal para a Starbreeze, mantendo os desenvolvedores pagos e dedicados ao game”.

The Walking Dead

“Com cada vez menos desenvolvedores dispostos a colocar o carinho extra em um produto, isso limita a possibilidade de termos o resultado com qualidade suficiente a tempo. Essa é uma nova era e eu não deixei a antiga e me adaptei a tempo — minha culpa. Está ok — é um novo tempo”, complementou o ex-CEO.

Consultados pela Eurogamer, alguns desenvolvedores falaram sob anonimato de que não gostaram muito da mensagem. “Ele realmente está colocando a culpa em todo mundo menos nele”, afirmou um dos criadores responsáveis. “É algo ridículo de escrever”. Overkill’s The Walking Dead está disponível na Steam e, graças à má recepção do público e as baixas vendas, o futuro das prometidas versões para consoles de mesa ainda está incerto.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários