O buraco é mais embaixo: Telltale é processada por direitos trabalhistas
197
Compartilhamentos

O buraco é mais embaixo: Telltale é processada por direitos trabalhistas

Último Vídeo

Parece que o buraco da Telltale é mais embaixo, e essa novela ainda vai longe. Agora, um ex-funcionário da empresa, Vernie Roberts, abriu um processo sob a alegação de que o estúdio teria violado uma série de leis trabalhistas, entre elas o não pagamento da indenização e o descumprimento de um aviso prévio de 60 dias, entre outras.

Segundo o Polygon e o GameDaily apuraram, o regulamento do estado da Califórnia prevê que qualquer companhia com pelo menos 100 funcionários, ao encerrar suas atividades, avise os empregados com, no mínimo, 60 dias de antecedência. Isso não aconteceu no caso da Telltale.

O estúdio pode tentar defender o seu lado de acordo com o "Ato Warn", termos americanos que dizem respeito ao aviso prévio vigente nos Estados Unidos. No entanto, reporta o Polygon, de acordo com a versão californiana da lei, a desenvolvedora está em maus lençóis e poderá sofrer punições rigorosas por não ter deixado seus empregados de sobreaviso 60 dias antes da demissão em massa.

Aguardemos o desdobramento dos fatos. O Voxel atualizará esta notícia conforme necessário. Enquanto isso, deixe seu parecer sobre o assunto aqui embaixo, na seção destinada aos comentários.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários