Voxel

Executivo da Sony acredita que jogos do PS4 continuarão custando US$ 60

Último Vídeo

Fonte da imagem: Reprodução/The Gaming Liberty
Com custos de desenvolvimento cada vez mais altos e um console que, estima-se, será o mais caro já lançado pela Sony, muitos estão preocupados também com uma possível alta no valor dos games para o PlayStation 4. De acordo com o presidente da Sony Computer Entertainment America, Jack Tretton, não há motivos para pânico, já que os jogos do novo console devem ter preço equivalente aos do atual.

Hoje, títulos para o PS3 são vendidos a US$ 59,99. Segundo o executivo, essa tabela deve permanecer em vigência, mas com o console que chega no final do ano abraçando toda uma nova leva de ofertas e oportunidades. Tretton cita os jogos free-to-play (gratuitos, com itens pagos que podem ser comprados pelo jogador) e games com preços a partir de US$ 0,99 (cerca de R$ 2) como novidades na plataforma.

Para Tretton, os jogadores estão dispostos a pagar US$ 60, um valor equivalente a cerca de R$ 120, por títulos maiores, que garantirão horas e horas de diversão. O valor também é razoável para as desenvolvedoras, que gastam milhões de dólares no desenvolvimento e são capazes de repor esse investimento com títulos nessa faixa de preço.

Smartphones não são ameaça

Jack Tretton também respondeu à grande pergunta do momento: os jogos de smartphones e tablets podem afetar o PlayStation 4? Para ele, tais experiências móveis, apesar de viciantes, não oferecem o que jogos blockbusters proporcionam e, sendo assim, os títulos não são comparáveis.

O executivo também acredita que os títulos para celular trazem diversas pessoas que não conhecem games para o mercado e a tendência aqui é que elas procurem experiências mais profundas. Sendo assim, os jogos mobile não só não afetam o mercado de consoles como são capazes de trazer novos consumidores para esse mundo.

Fonte: CNBC

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.