Voxel

Executivo da Sony diz que seria inesperado produtoras aplicarem DRM no PS4

Último Vídeo

Fonte: Reprodução/Polygon

Em entrevista ao Polygon, o chefe de desenvolvimento de software do Playstation, Scott Rohde, afirmou que a aplicação de medidas de DRM nos jogos de PS4 por parte das produtoras de games seria algo inesperado depois da conferência da Sony durante a E3. Ele afirmou ainda que a empresa estabeleceu um bom precedente ao se posicionar contra essas práticas e que as criadoras de games ouviram a resposta do público.

“Francamente falando, seria bastante surpreendente ver uma third party vir com uma forma de estabelecer novas regras de DRM que pudessem agir ignorando isso”, disse Rohde em relação às afirmações do presidente da Sony, Jack Tretton, durante a conferência.

O executivo disse ainda que o CEO foi bastante transparente sobre o assunto na apresentação. “Tecnicamente, eles ainda poderiam fazer alguma coisa, mas é o padrão que estabelecemos que acredito ser o modelo correto e creio que é assim que vai funcionar”, acrescentou.

Patentes da discórdia

Boa parte da discussão sobre a limitação da distribuição de jogos usados começou com o descobrimento de patentes da Sony que funcionariam de forma similar ao que a Microsoft está propondo para o Xbox One. Quando questionado se a Sony alguma vez considerou seriamente adotar tais medidas, Rohde afirmou que a empresa sempre observa as diversas formas de como seus negócios poderiam funcionar.

“Mas posso dizer com clareza que nós nunca tivemos qualquer coisa sequer imaginada em termos de como aplicar esses tipos de limitações que os nossos competidores estão pondo sobre os consumidores. Nós estamos explorando outras partes desse negócio e como o DRM pode se relacionar”, concluiu.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.