Voxel

Fable: The Journey — um jogo sobre “liberdade”

Último Vídeo

Img_normal

Embora as poucas apostas até o momento apenas ligasse Fable: The Journey a um possível jogo de tiro On-rail, o criador da franquia, Peter Molyneux apareceu recentemente com uma nova diretita: The Journey será um jogo ditado pelas escolhas dos jogadores. “A primeira palavra que nós escrevemos na parede quando estávamos desenhando esse jogo foi ‘liberdade’”, afirmou o designer ao site Gamespot.com.

Um livre-arbítrio irrestrito, aparentemente. “A liberdade de ir aonde você quiser, a liberdade de parar onde você quiser”, afirmou ele. “A liberdade de levar o seu cavalo e a sua carroça através das planícies, mesmo onde não há estradas”. Além disso, Molyneux enfatiza: não se trata simplesmente da livre escolha de “aonde ir”, mas também de “como ir”.

Em outras palavras, você poderia encarar os desafios de The Journey da forma que lhe desse na telha, “fazendo qualquer coisa bizarra que você deseje fazer enquanto joga um game de computador”. A propósito, essas escolhas também devem pautar a relação com a sua montaria. “Você se deslocará utilizando a sua mão para acertar o lombo do seu cavalo. Trata-se de um controle bastante analógico. Você pode ser bastante gentil com isso ou ser agressivo.”

Entretanto, fique sabendo que o seu cavalo pode ficar ofendido caso as pancadas passem dos limites. “Lembre-se que o seu cavalo tem sentimentos — se você forçá-lo até o colapso, você vai se sentir bastante culpado”, disse Molyneux. Além disso, o designer enfatizou que a forma com que você trata a sua montaria afetará ainda no relacionamento com outros personagens no mundo de jogo; gente que pode se sentir um tanto insegura em relação a alguém que maltrata o próprio cavalo.

Fable: The Journey tem lançamento exclusivo para o Xbox 360 (com o Kinect) em 2012. Aguarde novidades.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.