Filho de chefe da Valve diz que a empresa deve tentar algo novo
Seja o primeiro a compartilhar

Filho de chefe da Valve diz que a empresa deve tentar algo novo

Último Vídeo

Responsável por inspirar o bebê demoníaco que serve como chefe do primeiro Half-Life, Gray Newell (filho de Gabe Newell) também trabalha com o desenvolvimento de games. Em meio à criação do projeto Fury, ele concedeu uma entrevista à Valve News Network no qual falou sobre seus projetos e sobre sua crença de que a Valve deveria tentar algo novo.

“O chefe final de Half-Life 1, o monstro bebê gigante demoníaco, supostamente sou eu”, afirmou. “Quando minha mãe estava em processo de parto, eles estavam pensando, o que poderia ser algo realmente assustador? Naquela época, ter um filho parecia algo que poderia assustar a qualquer um”.

Segundo Gray, sua empresa Naetyr está desenvolvendo Fury como um MMO com elementos de FPS que depende de elementos criados pelos próprios jogadores. Ele acredita que a aventura “é similar a Gary’s Mod, Spore, e na mesma veia de Star Citizen”, mas comparações do tipo não são exatamente precisas em explicar o que sua equipe está fazendo.

Durante a entrevista, o filho de Gabe Newell também fala sobre suas impressões sobre a empresa bilionária conduzida por seu pai. “Se tem algo que eu gostaria de ver a Valve fazer, é explorar mais suas ideias”, explicou. “As pessoas de lá são as mais espertas que já conheci, as que trabalham mais duro, as mais inspiradoras. A cultura da Valve é muito boa, mas eles encontraram esse ponto em que estão trabalhando como uma máquina funcional. E isso é bom, mas eu acredito que eles devem tentar fazer algo assustador. Fazer algo que eles não sabem qual vai ser o resultado”.

"A Valve tem uma quantidade absurda de recursos e espero que eles tenham a coragem de usar isso em algo novo"

“Eles tomam decisões incrivelmente inteligentes, mas de vez em quando você tem que fazer algo estúpido. Algumas vezes você tem que ter uma ideia louca e estúpida e dizer ‘que se dane’ e levá-la a frente. A Valve tem uma quantidade absurda de recursos e espero que eles tenham a coragem de usar isso em algo novo. Eu quero ver eles expandindo os limites de novo”.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.