Final Fantasy VII Remake teve restrições feitas por departamento de ética

Final Fantasy VII Remake teve restrições feitas por departamento de ética

Último Vídeo

Programado para chegar às lojas em março de 2020, Final Fantasy VII Remake teve alguns de seus aspectos limitados pelo departamento de ética da Square Enix. Segundo o diretor Tetsuya Nomura, essa área específica da desenvolvedora sugeriu que o remake limitasse o tamanho dos seios de Tifa, de forma a torná-la mais realista.

Final Fantasy VII Remake

“Foi necessário restringir seus seios”, afirmou Nomura em uma entrevista à Famitsu. Para a Square Enix, modernizar a personagem significava dar a ela um visual mais atlético, ao mesmo tempo em que sua roupa original mantinha suas características. A interferência do departamento de ética surgiu na sugestão de que ela não deveria parecer “estranha”, o que restringiu o tamanho de seus seios e na inclusão de uma cama adicional de blusas.

Durante a entrevista, Nomura também revelou que Final Fantasy VII Remake vai manter diversas cenas icônicas do jogo original, incluindo a bizarra visita que Cloud faz ao Honey Bee Inn. Até o momento confirmado somente para o PlayStation 4, o título chega às lojas no dia 3 de março de 2020.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários