Voxel

Final Fantasy XI anuncia última expansão e fim do suporte a PS2 e Xbox 360

Último Vídeo

Lançado em 2002 e ainda ativo depois de 13 anos (lembrando que World of Warcraft fez 10 anos há pouco tempo), Final Fantasy XI é o primeiro MMORPG da franquia e roda em PC, PlayStation 2 e Xbox 360. Contudo, apenas por enquanto: a Square-Enix acaba de anunciar que vai desligar os servidores relacionados aos consoles antigos, mantendo apenas a versão para computador. A data de encerramento das atividades está definida para março de 2016.

Com Final Fantasy XIV: A Realm Reborn ganhando a sua primeira expansão na metade do ano, aparentemente a empresa decidiu que Final Fantasy XI devia receber menos atenção. Por isso, foi anunciada a última expansão do MMORPG, Rhapsodies of Vana’diel, com um cenário principal que promete costurar com maestria todas as infindáveis expansões anteriores, mostrando os principais personagens da história até então e marcando o gênero com um desfecho épico digno da franquia.

Termina, mas não acaba

Para comemorar o encerramento e homenagear os fãs que acompanharam o MMORPG ao longo dos anos, um novo evento chamado “Goddess’s Gala” vai acontecer ao longo do lançamento da expansão. Este, por sinal, acontecerá em três capítulos, liberando conteúdo em maio, agosto e novembro de 2015. Depois de tudo ficar disponível, nenhum patch grande será lançado de novo, porém, pequenas atualizações serão mantidas para corrigir bugs e balanceamento de classes.

Por fim, em parceria com a Nexon Korea, a Square-Enix está elaborando uma versão para smartphones de Final Fantasy XI, com previsão de lançamento para 2016 no Japão, Coreia do Sul, América do Norte e partes da Europa. Funcionando um pouco diferente da versão para PC, a principal diferença ficará no sistema de organização de grupos, embora combate a campanhas solo também devam receber adaptações. Não há informações ainda sobre como será o sistema de pagamento do jogo, em comparação à versão de PC (assinatura mensal).

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.