Voxel

“Fizemos a lição de casa”, diz Tretton sobre a repercussão positiva do PS4

Último Vídeo

Fonte: Reprodução/PS3TotalGames

O PS4 já é quase que um “Robin Hood” dos gamers. O “quase” é porque o console não necessariamente roubou dos ricos, mas fez de tudo em seu planejamento estratégico para trazer ao mercado um sistema palpável por todos os consumidores – e bolsos – em função de seu preço diminuto e das políticas liberais permitindo empréstimos, jogos usados e não obrigatoriedade na conexão à internet esclarecidas desde o começo. Essas características fizeram com que o console caísse nas graças do público. E, segundo Jack Tretton, CEO da divisão americana de entretenimento da Sony, a companhia “fez a lição de casa” para atingir esse patamar.

“Gastamos muito tempo falando com os consumidores e também com a comunidade de desenvolvedores perguntando o que eles queriam. A conferência na E3 e o desdobrar que veio em seguida foram um resultado dessa visão. A reação é um testamento de que adotamos a estratégia certeira. É um processo longo e que não para”, afirmou o executivo em entrevista ao CNN Money.

Tretton salientou que uma estratégia planejada e longa é muito importante no processo. “Você tem de executar uma estratégia. Se você começa a pensar duas vezes e olhar o que o outro faz, fica aberto a erros. Se você fez a lição de casa, o consumidor vai responder”, afirmou, numa alusão direta à mudança de postura que a Sony teve com o fraco início do PS3.

O chefão da Sony americana também deixou claro que o preço do PS4 foi previamente planejado e que a companhia não sabia qual seria a repercussão dos 399 dólares. “Não sabíamos se o valor seria mais agressivo ou menos agressivo que o da concorrência. Acreditamos que o consumidor responderia favoravelmente ao preço final”, completou.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.