Gamer faz speedrun das três primeiras dungeons de Ocarina of Time, vendado

Gamer faz speedrun das três primeiras dungeons de Ocarina of Time, vendado

Último Vídeo

Alguns gamers aproveitam o Awesome Games Done Quick 2015 para mostrar toda a sua habilidade em abusar de exploits. Assim eles conseguem, por exemplo, acabar com nossa infância ao zerar um certo game de monstrinhos de bolso em minutos, enquanto nós investíamos dezenas de horas na árdua tarefa. Outros, porém, vêm para exibir talentos mais... Peculiares. Esse é o caso do gamer Runnerguy2489.

Durante o evento, ele apresentou um show bem diferente daquele que estamos acostumados ao ver um speedrun. Isso porque, no lugar de simplesmente tentar quebrar recordes, ele "zerou" todas as três primeiras dungeons de Ocarina of Time, vendado. E ele o fez em um tempo absurdamente curto: apenas uma hora, 26 minutos e 56 segundos.

Como fazer um speedrun vendado

O segredo para isso, segundo ele, está em uma combinação de três fatores. Primeiro, Runnerguy2489 elogia a qualidade sonora do game, já que ela permite definir se Link está andando na grama, em pedra, madeira ou outras superfícies. Em segundo, o jogador também abusa dos backflips e saltos laterais – graças a eles é possível “medir” um salto preciso para uma plataforma, por exemplo.

A câmera do game, por fim, é um elemento crucial e, ao mesmo tempo, um dos maiores inimigos para o speedrun. Isso porque o famoso sistema Z-Targeting é necessário na hora de acertar o posicionamento de Link, mas um objeto ou inimigo próximo demais pode simplesmente arruinar tudo isso. De nada tudo isso adianta, é claro, se você não tiver uma boa memória, e é nesse um dos aspectos que o speedrun mais impressiona.

Como se não fosse o bastante, o gamer ainda faz uso de glitches e exploits famosos utilizados por outros speedrunners. Sim, aqueles que muitos leitores (e este que vos escreve, admito) já tentaram e não conseguiram, e que ele fez. E vendado, para quem havia esquecido. Pois é.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.