Google anuncia Stadia, sua ambiciosa plataforma de jogos que chega em 2019
2.205
Compartilhamentos

Google anuncia Stadia, sua ambiciosa plataforma de jogos que chega em 2019

Último Vídeo

O Google anunciou, nesta terça-feira (19), durante conferência na GDC 2019, sua prometida visão para os games: Stadia, plataforma de streaming de jogos que busca ser "acessível para todos". O sistema será lançado ainda este ano e, num primeiro momento, dará as caras apenas nos EUA, Canadá, Reino Unido e "alguns outros países" da Europa.

Trata-se de um produto de "datacenter", e não um console, ressaltou o Google mais de uma vez na apresentação. A ideia é, basicamente, realizar streamings de jogos com qualidade máxima, começando em 1080p/60fps e podendo alcançar sonhados 4K e 120fps. Isso "a partir de agora", assegura a empresa. Para o futuro, o sistema já está preparado a atingir a resolução de 8K.

"Temos datacenters espalhados pelo mundo e 2 bilhões de jogadores. Será a experiência mais conectada possível, tanto para a comunidade de jogadores quanto para desenvolvedores e criadores", ressaltou a gigante durante a ocasião, no que diz respeito à infraestrutura que a plataforma terá.

Controle

O Stadia terá um controle próprio com direito a botão Share e um comando chamado Google Assistant, por meio do qual o microfone pode ser acessado para funções de suporte junto aos desenvolvedores – é como se fosse uma central de dúvidas para o usuário, acessível por meio de um botão.

ffd

Poder impressionante

O Google promete que o poder vindo do datacenter do Stadia é equivalente a uma GPU de 10.7 teraflops, em contraste aos 6 teraflops do Xbox One X ou dos 4.2 teraflops do PS4 Pro. O Stadia tem "mais que o dobro" dos dois.

d

Parcerias

De início, o Stadia já tem bons parceiros, como Ubisoft e id Software. Assassin's Creed Odyssey e Doom Eternal apareceram na conferência – no caso de Doom, o desempenho terá a equação 4K + HDR + 60fps no sistema do Google.

ngbg

Inúmeros outros parceiros compõem a plataforma para diferentes finalidades: engine de jogo, motor de física, arquitetura etc. Nomes como Unreal Engine, Unity e Havok fazem parte da iniciativa.

Jogos first-party

Para fomentar a plataforma com games próprios, a Google fundou a divisão Stadia Games and Entertainment, responsável por criar jogos first-party com a assinatura Google. A iniciativa é liderada por Jade Raymond.

Crowd Play

O Stadia também terá Crowd Play, recurso usado em lives em que usuários se juntam à partida com o streamer.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários