Halo Infinite: produtora criativa deixa a 343 depois de 2 meses

Halo Infinite: produtora criativa deixa a 343 depois de 2 meses

Último Vídeo

A produção de Halo Infinite sofreu mais uma baixa nos últimos dias. Mary Olson, a diretora criativa que entrou em agosto para substituir a saída de Tim Longo, também deixou a empresa depois de dois meses na função.

"O cargo de Tim como diretor criativo era ajudar a criar decisões criativas ao redor do design e da direção do game — seja pela campanha, pelo multiplayer, etc", explicou o gerente de comunidade da 343 Industries, John Junyszek, pelo Reddit oficial da franquia Halo. "A função de Mary como uma produtora executiva e posteriormente como produtora líder de campanha era de ajudar a conduzir o jogo para o lançamento no Natal de 2020 — com o último focando especificamente nos resultados da campanha", complementa o representante da empresa.

Segundo o gerente de comunidade, as funções criativas de Tim Longo já estavam ao encargo do chefe do estúdio, Chris Lee.

"Nós temos um time com excelência a um nível mundial criando Halo Infinite e a ótima resposta do público nos tem mantido energizados, mais do que nunca, para criar o melhor Halo até hoje, junto do Projeto Scarlett, no período de festas de fim de ano de 2020", comentou a 343 Industries na saída de Tim Longo meses atrás.

Tirando a troca de executivos pelo estúdio responsável por Halo Infinite, soubemos recentemente que um cão da raça pug será um dos "dubladores" dos aliens do game e que o jogo no Xbox One não será uma "versão limitada" da nova entrada na franquia. A série de Halo na televisão também revelou seu elenco e outro detalhes nos últimos meses.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários