Voxel

Infinity Ward fala sobre os hacks de MW2 para PS3

Último Vídeo

Img_normal

Muitos usuários do PlayStation 3 estavam culpando a Infinity Ward pelos problemas de hack na versão de Call of Duty: Modern Warfare 2 para a plataforma da Sony. Segundo os criadores do jogo, entretanto, a “culpa” dessa falha de segurança é da Sony e do próprio console.

Robert Bowling — “fourzerotwo” — postou relatos intrigantes no fórum oficial da desenvolvedora:

“A Sony reconheceu uma brecha na segurança do PS3, o que resultou em jogos sujeitos a explorações e hacks. Modern Warfare 2 não é exceção a essa falha de segurança e nós entendemos que alguns de vocês tiveram problemas com estatísticas e outros infortúnios associados a isso.”

Certos gamers tiveram suas estatísticas afetadas e, em certos casos, até o progresso foi apagado. Saiba o que disse o jogador “ktell” no fórum:

“Essa questão está fora de controle. Eu não posso fazer o login sem sofrer perda de ‘rank’, sem visualizar mensagens vulgares na barra inferior de status, etc. A Infinity Ward deveria estar policiando os lobbies, procurando por hackers e banindo-os. Pode parecer um glitch da Sony (embora os arquivos ‘hackeados’ estejam relacionados a dados do game MW2), mas a Infinity Ward poderia pelo menos patrulhar seus próprios jogos.”

Img_normal

“Sério, eu gastei 27 dias jogando este game, desbloqueando coisas, subindo de nível, etc. Agora, todos os meus desafios, ‘perks’, armas e ‘streaks’ se foram? E minha taxa de mortes para assassinatos está 10 milhões para um agora? Isso não é possível. Vocês deveriam pelo menos restaurar minha conta para o seu estado anterior. Isso é horrível.”

Segundo Bowling, infelizmente a desenvolvedora não tem poder sobre isso:

“Os jogos dependem da segurança de codificação das plataformas em questão. Portanto, as atualizações do game por meio de ‘patches’ não resolverá esse problema a não ser que essa exploração de segurança seja resolvida na plataforma.”

“Infelizmente, os jogos Call of Duty estão recebendo muita atenção dos hackers devido ao alto número de gamers e à popularidade da série. No entanto, o número de jogadores legítimos é muito maior que ‘as maçãs ruins’.”

Recomendações de um sábio:

“Se você está preocupado com as pessoas que estão ‘hackeando’, eu peço a vocês que joguem exclusivamente com amigos, usando as opções de partidas privadas ou em grupo de Modern Warfare 2 e Call of Duty 4 para evitar tais pessoas o máximo possível até que isso seja resolvido pela Sony.”

Img_normal

“No momento, não temos o poder de recuperar ou ajustar estatísticas individuais.”

Bowling promete aos gamers que a Infinity Ward não dependerá mais de construtoras de consoles para a segurança contra os hackers:

“Eu garanto a vocês que, enquanto nós estamos bem confiantes de que a Sony atualizará o firmware do PS3 e melhorará a segurança para resolver o problema central, nós estamos procurando todas as opções disponíveis para ajudarmos os usuários afetados.”

“Isso só se aplica a games como Call of Duty 4 e Modern Warfare 2. No futuro, nós planejamos ajustar nossa abordagem para não contar somente com a segurança da plataforma, reduzindo a chance de que isso aconteça nos nossos jogos. Isso já foi comprovado pela Treyarch no trabalho com Call of Duty: Black Ops em medidas de prevenção similares.”

A Sony ainda não fez comentários oficiais sobre o assunto.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.