Voxel
11
Compartilhamentos

Jogadores foram alvo de 11,7 milhões de ataques de malwares em 2013

Último Vídeo

Um relatório divulgado pela Kaspersky Lab mostra que, somente em 2013, jogadores foram alvo de 11,7 milhões de ataques baseados no uso de malwares. Segundo a empresa, somente este ano foram registrados 4,6 de softwares maliciosos voltados exclusivamente a prejudicar os fãs de jogos eletrônicos.

De acordo com o relatório divulgado pela empresa, os ataques acontecem de maneira bastante variada. Entre os casos descritos está um esquema que prometia a jogadores de Minecraft recompensas como forma de roubar nomes de usuários e senhas e uma situação em que um site falso foi criado para infectar o computador de consumidores interessados em Grand Theft Auto V.

“Acabamos de ver dois dos maiores lançamentos da história dos consoles com o PlayStation 4 e o Xbox One”, afirma o pesquisador de segurança sênior David Emm. “Isso significa que haverá mais jogadores para serem alvos de criminosos, especialmente devido ao aumento do uso da internet por parte das máquinas da Sony e da Microsoft. E não podemos nos esquecer do PC, que ainda é o alvo preferido dos farsantes cibernéticos”, complementa.

Para evitar problemas, a Kaspersky aconselha jogadores a tomar precauções que envolvem desconfiar de ofertas que parecem atraentes demais, o uso de senhas com caracteres variados e a instalação de softwares antivírus. Além disso, a empresa também aconselha um cuidado especial na hora de adicionar contatos online e no processo de baixar novos conteúdos, algo que deve ocorrer somente a partir de meios oficiais.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.