Jogadores são detidos na Índia por jogarem PUBG Mobile

Jogadores são detidos na Índia por jogarem PUBG Mobile

Último Vídeo

Há algumas semanas, o governo da Índia aplicou um ban em jogos de celular, em específico PUBG Mobile, devido ao fato de ele apresentar conteúdo violento para crianças e prejudicar o seu rendimento escolar. O banimento era de menos de um mês, mas isso já foi o suficiente para que o departamento de polícia de Rajkot conseguisse deter 10 pessoas em pouco mais de uma semana por jogarem PUBG Mobile.

De acordo com o jornal The Indian Express, dez pessoas, sendo seis deles estudantes, foram detetidos por terem quebrado o ban de PUBG Mobile no país. O comissário de polícia Manoj Agrawal, responsável pelo banimento do jogo na cidade de Rajkot no dia 6 de março, revelou que pelo menos doze casos já foram registrados, mas lembra que apesar da detenção, a ofensa é passível de fiança, não sendo necessário que eles sejam devidamente presos. Sendo assim, os casos são automaticamente passados para serem resolvidos pela corte local, onde eles responderão por não terem seguido a notificação de banimento.

Segundo o grupo de operações especiais de Rajkot, três jovens detidos estavam próximos do departamento de polícia e estavam tão compenetrados no jogo que não notaram a chegada dos agentes para detê-los e confiscar seus smartphones para a investigação.

O banimento de PUBG Mobile em algumas cidades da Índia foi estendido e deve durar até o dia 30 de março.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários