Jovem de 19 anos conta que já gastou US$ 10 mil em microtransações
199
Compartilhamentos

Jovem de 19 anos conta que já gastou US$ 10 mil em microtransações

Último Vídeo

Em meio a controvérsias relacionadas a caixas de loot e microtransações, um jovem de 19 anos contou seu caso no Reddit com a intenção de alertar desenvolvedores sobre os efeitos que essas práticas podem trazer. Identificado como “Kensgold”, ele afirmou ter gastado mais de US$ 10 mil em microtransações e se considera um viciado em jogos de azar por conta disso.

Caixas de Loot

“A principal razão para eu fazer minha postagem não foi para criticar a EA ou qualquer companhia que faça isso, mas para compartilhar minha história e para mostrar que essas transações não são tão inocentes quanto parecem. Elas podem levar você a um caminho ruim”, escreveu o jovem.

Em uma conversa com o site Kotaku, o jovem (que não divulgou seu nome real) provou que já gastou mais de US$ 13.500 nos últimos três anos em jogos como Counter-Strike: Global Offensive, Smite e The Hobbit: Kingdoms of Middle-earth. Embora atualmente ele seja legalmente um adulto, ele afirma que o desejo de gastar mais dinheiro em seus jogos favoritos começou aos 13 anos de idade.

Vício difícil de lidar

Ele afirma que a situação se tornou tão grave que ele decidiu procurar por ajuda profissional. “Eu tive que criar coragem para pedir ajuda. Para conseguir um terapeuta que dissesse para mim ‘isso é o que você está fazendo, é dessa forma como você pode se ajudar, aqui estão as ferramentas que você precisa’”, afirmou.

Kingdoms of Middle-earth

Kensgold afirma que atualmente evita jogar games com seus amigos, porque eles podem ter sistemas de microtransações que o levem de volta a um caminho ruim. “Durante um tempo, é difícil dizer a seus amigos que você não pode jogar com eles por causa da maneira como o jogo é implementado”, declarou.

“Eu fui sortudo. Outros que nem eu não vão ser. Eles vão falhar na escola. Eles vão usar o cartão de crédito de seus pais, acumulando juros enormes. Eles não vão ter uma mãe/contador que vão ajudá-los a gerenciar seu dinheiro caso eles se recuperem. Então, por favor, usem alguns momentos para refletir sobre a minha história”.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.