Voxel

Jovem brasileiro é campeão da Copa Playstation Sul-Americana FIFA 13

Último Vídeo

Campeonato foi o primeiro a ser organizado totalmente pela Sony (Fonte da imagem: Reprodução/Sony Brasil)

Ocorreu ontem (29) em São Paulo capital a final da Copa Playstation FIFA 13 Sul-Americana, campeonato oficial da Sony que reuniu os melhores jogadores de FIFA 13 de toda a América Latina e os colocou cara a cara para provar quais países são “bons de bola” nas quadras virtuais.

Selecionados previamente em pequenos campeonatos regionais, haviam no total 16 participantes representando o México, El Salvador, Colômbia, Peru, Chile, Honduras, Argentina e, obviamente,  Brasil. O evento ocorreu no luxuoso Hotel Pullman, em Moema, zona sul da capital.

Embora muitos convidados tenham chegado cedo ao estabelecimento (por conta do nervosismo e ansiedade), as partidas só começaram mesmo às 14h. Enquanto isso, os presentes podiam se deliciar com uma mesa repleta de comes e bebes, além de se divertirem jogando FIFA 13 em PS3s e PS Vitas especialmente reservados para freeplay.

Vários consoles foram disponibilizados para freeplay (Fonte da imagem: Reprodução/TecMundo Games)

Gol no telão e na telinha

Para testar se os jogadores eram realmente habilidosos não importando o método de jogo, todas as partidas foram dividas em duas fases: na primeira, os oponentes se enfrentavam jogando no PS3 (enquanto o vídeo da jogatina era reproduzido em dois enormes telões para que a plateia acompanhasse). Na segunda, eles tinham que testar suas habilidades no PS Vita, momento que infelizmente não era visível para a plateia.

Todo o torneio foi narrado detalhadamente para os visitantes, imprensa e outros jogadores; alguns já tristes por terem perdido, e outros cada vez mais ansiosos para a chegada iminente da grande final.

As partidas eram realizadas tanto no PS3 quanto no PS Vita (Fonte da imagem: Reprodução/TecMundo Games)

E é gol do Brasil!

Não poderia ser diferente: a final da Copa Playstation foi regada de muita emoção, gritos de nervosismo e forte torcida dos presentes. Andrei Torres, do México, foi o oponente do brasileiro Gustavo Nascimento, jovem de apenas 16 anos já conhecido por ter ganhado outros campeonatos de FIFA e até mesmo por ter jogado uma partidinha contra Tiago Leifert, apresentador do programa Globo Esporte.

Enquanto Gustavo jogava como Real Madrid, Andrei curiosamente jogava como Brasil – ao ser questionado se isso seria motivo para “dar um desconto”, Gustavo afirmou que infelizmente não teria como. Dito e feito.

Com uma partida emocionante que acabou com o placar de 3x2, o jovem brasileiro foi o ganhador do troféu de campeão e se consagrou como o melhor jogador de FIFA 13 de toda a América Latina. Além disso, como prêmio, Gustavo também receberá um pacote completo para assistir o final da Copa das Confederações a ocorrer em 2013 – com direito a transporte aéreo, hospedagem e tudo mais.

O brasileiro Gustavo Nascimento exibe o troféu de campeão (Fonte da imagem: Reprodução/TecMundo Games)

Craque na vida real e virtual

Não é a toa que Gustavo “coleciona” tantas medalhas, troféus e conquistas no gramado digital: em entrevista, o campeão afirmou que treina entre quatro e seis horas por dia, embora encare a jogatina somente como lazer e não como e-sport.

Além disso, o jovem sonha em ser jogador profissional de futebol nos campos reais. Gustavo comentou inclusive que já chegou a jogar durante um certo tempo na equipe amadora do Portuguesa, mas parou um pouco e pretende retomar o treino ano que vem, quando fizer 17 anos.

Luciano Bottura, gerente de comunicação da Sony Brasil, afirmou que a Copa Playstation faz parte de uma série de eventos que deverão ocorrer no Brasil por conta da Copa do Mundo de 2014. Conforme o executivo, este foi o primeiro torneio da série FIFA organizado totalmente pela própria Sony (desde o que diz respeito às eliminatórias, que foram realizadas em cada país no decorrer do ano, até a etapa final).

Gustavo Nascimento conversa com a narradora do campeonato (Fonte da imagem: Reprodução/TecMundo Games)

Além disso, Luciano comenta que a principal motivação para a realização de tal campeonato é o patrocínio que a empresa está oferecendo para grandes eventos futebolísticos reais da FIFA, como a Copa das Confederações e a própria Copa do Mundo de 2014. Já tendo participação nos gramados reais, a empresa não viu porque não fazer uma competição oficial nos gramados virtuais – afinal, eles são tão importantes quanto, não concorda?

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.