Voxel

Ken Levine: novo BioShock só sai se estivermos apaixonados por uma ideia

Último Vídeo

Criador da franquia BioShock, Ken Levine deu uma entrevisa de temática livre para fãs do site Reddit. Além de fazer algumas brincadeiras, ele comentou vários pontos da franquia, incluindo o futuro da série.

"Em termos de mais BioShock da Irrational Games, é cedo demais para dizer. Isso sempre depende de nós termos uma ideia e nos apaixonarmos por ela. Se isso não acontecer, outro estúdio pode fazer um jogo, se é que ele deve ser feito. Mas não consigo imaginar a gente fazendo o projeto sem amar a proposta", explica Levine, deixando uma interrogação no futuro da série.

Futuro indefinido

O produtor diz que há muita pressão na equipe de produção, porque a franquia é feita de games complexos de serem feitos. Ele ainda foi questionado sobre tecnologias e consoles, incluindo um suporte ao Oculus Rift. "Para ser honesto, eu não perco tempo pensando na plataforma. Penso nas experiências. Tenho uma vaga noção de quais conceitos de design eu devo perseguir no futuro, e nenhum deles é dependente de plataformas", conclui Levine.

Algumas das perguntas fugiram do convencional. Fotos "adultas" da personagem Elizabeth surgem em quantidade cada vez maior na internet, por exemplo, e ele disse que sabe disso e não gosta nem um pouco. "É como achar uma foto assim da sua filha. Eu morro um pouquinho cada vez que visito uma página dessas", define. A sessão completa de perguntas e respostas pode ser encontrada aqui.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.