Kojima escondeu hack de jogo completo em The Phantom Pain

Kojima escondeu hack de jogo completo em The Phantom Pain

Último Vídeo

Provando novamente que é um desenvolvedor diferenciado, Hideo Kojima escondeu nada menos do que um jogo completo dentro de Metal Gear Solid V: The Phantom Pain. Para desbloqueá-lo, no entanto, é preciso fazer um processo muito mais complexo do que simplesmente terminar o game ou realizar todas as suas pesquisas.

Segundo membros do Reddit, os arquivos do game extra estão escondidos entre os documentos que constituem Ground Zeroes e Phantom Pain. Após encontrá-los, é possível reconstruir uma ROM incompleta, cujo valor adicional necessário para sua finalização aparece em certas cenas de corte do jogo que apresentam uma barra marrom.

O resultado de todo esse esforço é a possibilidade de jogar “The Portopia Seriel Murder Case”, título que inspirou Hideo Kojima a seguir sua carreira como desenvolvedor e diretor de jogos eletrônicos. O responsável pela descoberta só não esclareceu como ele chegou à descoberta, tampouco se é possível rodar o game em qualquer plataforma além do PC.

Notícias atualizada às 14h05 do dia primeiro de outubro

Infelizmente, parece que o suposto "segredo escondido" em Phantom Pain não passava de uma mentira. Segundo o criador da modificação, ele usou uma fita original de Portopia e a combinou de forma a fazer o game rodar dentro de Ground Zeroes, em um processo que ainda não foi muito bem esclarecido.

O que tornava a notícia bastante crível é o fato de que Kojima tem um bom histórico de inserir diversos segredos escondidos nos jogos em que trabalha. Embora os fãs de Metal Gear V possam ficar tristes com essa notícia, temos certeza de que o mais recente título da série tem conteúdo suficiente para surpreender a qualquer jogador.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.