Voxel

L.A. Noire: bom para mulheres, ruim para a concorrência e ótimo para os bolsos da desenvolvedora

Último Vídeo

Img_normal
Para os jogadores que sempre quiseram fazer com que suas namoradas ou amigas se interessassem por video games, eis a oportunidade perfeita: de acordo com o diretor e roteirista da Team Bondi, Brendan McNamara, L.A. Noire consegue chamar a atenção de muitas mulheres por conta de sua mecânica de movimentação facial durante os interrogatórios.

Segundo ele, a equipe observou que é comum as moças se interessarem pela trama e pelos momentos de investigação. A razão descrita por McNamara é a facilidade que elas têm em descobrir se alguém mentindo ou falando a verdade – algo fundamental no jogo.

Diretor de Far Cry 2 critica originalidade

Ao mesmo tempo em que público e crítica elogiam o desempenho do novo título da Rockstar, outros estúdios parecem não estar felizes com o sucesso do game. Em sua conta no Twitter, o diretor criativo de Far Cry 2 e Splinter Cell: Chaos Theory, Clint Hocking, afirmou que o game é sem inspiração e narcisista.


Quando questionado sobre sua opinião por outro usuário, Hocking afirmou que a falta de originalidade é a melhor forma de descrever o jogo. Segundo ele, a primeira cena é o maior exemplo disso e beira o plágio.

Grandes expectativas

Enquanto a concorrência ataca, a esperança de boas vendas apenas aumenta. De acordo com uma análise feita pela empresa Sterne Agee, o lançamento da Team Bondi deve vender entre 3 e 4 milhões de unidades. O número foi estimado a partir das primeiras análises e na quantidade de pré-compras realizadas no site Amazon.

Confira os 10 primeiros minutos de jogatina


Por fim, um usuário decidiu compartilhar a experiência do título com os jogadores que ainda não puderam pôr as mãos no game. Sendo assim, confira os primeiros 10 minutos de L.A. Noire gravados pelo usuário Ve3tro.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.