Voxel
33
Compartilhamentos

Madcap Castle foi um dos jogos mais divertidos da área indie na BGS 2017

Último Vídeo

A área indie da Brasil Game Show 2017 foi uma das melhores surpresas do evento: mais jogos e qualidade maior dos títulos que apareceram por lá. Muitos games tiveram destaques por lá, mas um dos que mais me chamaram atenção foi Madcap Castle, que tem como objetivo resgatar a nostalgia da biblioteca do Game Boy original, da Nintendo.

A experiência simplificada e com mecânicas mais diretas tornaram esse game de plataforma em um dos melhores títulos da área indie. Durante a minha jogatina por lá, a diversão foi garantida e a jogabilidade variada, prometendo um jogo bem promissor. Ah, e vale ressaltar: o game é 100% brasileiro e desenvolvido pela Diel Mormac Games.

Madcap Castle

Uma experiência nostálgica

Madcap Castle aposta em resgatar uma jogabilidade familiar. Se você cresceu nos anos 90, é impossível não reconhecer o que está jogando: é a mais pura essência de Game Boy. Paleta de quatro cores, trilha sonora feita para o hardware original (tudo é composto em trilas de MIDI) e muito mais.

Essa ambientação que bebe de inspirações de jogos mais datados é ruim? Poderia ser para jogadores mais novos, mas felizmente não é o caso. O título pode se inspirar fortemente em lendas do passado, mas abusa de elementos mais modernos para unir o melhor dos dois mundos.

Madcap Castle

Basicamente, Madcap Castle usa um modelo de fases. Não há uma grande trama ou complexidade por trás da progressão de fases do personagem. Em suma, temos níveis que usam uma mistura única de mecânicas para progredir: pulos calculados em plataformas e feitiços que servem com habilidades especiais para resolver enigmas ou ultrapassar obstáculos. Cada magia dura três ou quatro fases, que se tornam gradualmente mais difíceis e maiores.

No total, o jogo final terá 150 níveis, um número considerável

Essa é a parte interessante: cada feitiço tem funções certas para essas telas e nunca mais são usados, não cansando o jogador nem criando complexidade desnecessária (como um menu de magias gigante ou combinações demais que podem confundir). Isso cria um fluxo de gameplay incrivelmente divertido, leve e gostoso de apreciar.

Um jogo incrivelmente polido

Sem sombra de dúvidas, Madcap Castle foi o jogo mais polido e bem decidido que vi na BGS 2017. A proposta dele é ser nostálgico e oferecer desafios de plataformas com magias específicas. Fim. É isso e apenas isso. A equipe se focou em produzir algo nesse escopo e criou um game muito divertido.

Madcap Castle

A simplicidade (não confundir com dificuldade) e a trilha sonora encantadora criam uma experiência fácil de consumir. Porém, a fórmula nostálgica é apresentada por completo: há níveis bem distintos uns dos outros, bastante desafios e até mesmo chefões que dividem cada área da campanha.

Já existe uma demonstração gratuita para quem quiser testar

Madcap Castle chegará no dia 20 de novembro na Steam por R$ 20. Está interessado na experiência? Há uma demonstração gratuita que você pode conferir neste link. Dê uma testada e nos conte o que você achou!

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.