No Man’s Sky está sendo investigado por propaganda enganosa

No Man’s Sky está sendo investigado por propaganda enganosa

Último Vídeo

A novela No Man’s Sky acabou de ganhar mais um capítulo. A Advertising Standards Authority (ASA), órgão responsável pela regulamentação da publicidade no Reino Unido, confirmou que abriu uma investigação envolvendo a Valve e a Hello Games para analisar se os vídeos e imagens da página do game na Steam podem ser considerados propaganda enganosa.

A informação foi divulgada primeiro por um usuário do Reddit e depois confirmada pelo órgão. De acordo com a ASA, a investigação foi aberta devido à grande quantidade de reclamações feitas por pessoas que compraram o jogo.

Vários elementos que apareceram no material de divulgação, mas não estavam presentes no game, devem ser analisados na investigação. Entre eles, diferenças na interface, sistema de mira, animações de água corrente nos planetas, tamanho e comportamento dos animais, construções e estruturas encontradas ao longo do jogo e a falta de telas de carregamento.

A ASA não pode dar mais detalhes sobre a investigação enquanto ela está em andamento, mas já adiantou que tanto a Valve como a Hello Games terão que responder aos questionamentos do órgão.

Tanto a Valve como a Hello Games terão que responder aos questionamentos do órgão

No Man’s Sky já estava envolvido em polêmicas antes mesmo do início das vendas, com os desenvolvedores recebendo ameaças de morte por causa dos atrasos no lançamento. Seguiram-se reclamações por causa de funções prometidas que não foram encontradas, além de uma grande quantidade de bugs tanto no PC como no PS4.

Atualmente, a página do game na Steam tem análises extremamente negativas e um aviso de que a política de devolução da loja não abre exceções para compradores de No Man’s Sky.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.