Voxel

Mapas do multiplayer de Call of Duty: Modern Warfare 3 incentivam movimentação

Último Vídeo

Img_normal

Os cenários construídos para os modos multiplayers dos Call of Duty anteriores serviram como grande norte para a criação das arenas de Modern Warfare 3. Segundo o produtor do game, Mark Rubin, a ideia é pegar tudo aquilo que fez os games do passado divertidos e incentivar a movimentação dos jogadores, adicionando verticalidade e acabando com os famigerados “campers”.

Segundo Rubin, falando durante o evento Call of Duty XP, a ideia de tornar as arenas mais verticais existe desde Modern Warfare 2. Assim, o jogador possui mais elementos para se preocupar durante os combates, e a jogabilidade, de forma geral, se torna mais complexa sem ficar complicada. “Se é simples demais, não é interessante. Se é difícil, não é divertido”, explicou ele.

O produtor citou Crash, mapa presente em Call of Duty 4, como exemplo de “arena perfeita”. Para Rubin, a ideia é obter o mesmo fluxo de jogabilidade no novo game da série, de forma a manter os jogadores sempre em movimento. Foi dessa ideia, também, que surgiu o modo Kill Confirmed, exigindo que os combatentes nunca fiquem parados em um mesmo local, pois precisam coletar medalhas deixadas pelos inimigos mortos.

Rubin, porém, admite que não é possível testar todas as variáveis de posicionamento de jogadores no campo de batalha e que, talvez, os campers ainda obtenham espaço para agir. Para compensar isso, a equipe de desenvolvimento introduziu objetivos específicos a serem obtidos durante as partidas, de forma a garantir mais pontos. “Não se trata apenas de fazer um mapa diferente, mas fazer a jogabilidade também ser diferenciada e não baseada apenas em camping”, concluiu.

O multiplayer de Call of Duty: Modern Warfare 3 foi mostrado pela primeira vez na semana passada, durante o evento Call of Duty XP. O título chega ao mercado em 8 de novembro para PC, Xbox 360 e PlayStation 3.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.