Voxel

Microsoft defende preço do Xbox One e quer lucrar já no lançamento

Último Vídeo

Fonte da imagem: Divulgação/Microsoft

Durante um painel na Citi Global Technology Conferente, o gerente de marketing da Microsoft, Yusuf Mehdi, defendeu o preço oficial do Xbox One. Segundo ele, o valor mais alto que o da concorrência direta significa, na verdade, um pacote de valor muito maior. Ele cita as funções relacionadas ao Kinect e a união de games e entretenimento como fatores que adicionam muito.

Segundo o executivo, a ideia da plataforma é quebrar barreiras e permitir controle de voz, além de tornar semelhantes as ações de jogar e assistir a filmes ou programas de televisão. O objetivo do Xbox One, mais uma vez, é ser o dispositivo central da sala das pessoas e não um mero video game.

Além disso, há um ideal mercadológico por trás dos US$ 499 envolvidos na compra de um Xbox One. De acordo com Mehdi, a Microsoft quer operar com lucro ou, pelo menos, margens bem baixas desde o lançamento do console. As vendas de jogos serão de grande ajuda nesse sentido, ajudando a pagar custos de infraestrutura e desenvolvimento.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.