Voxel

Microsoft e Crytek: quase uma first party... Hoje um caso de amor

Último Vídeo

Sim, muita gente ainda anda na dúvida: o Kinect é mesmo a jogabilidade do futuro? Vai mesmo vingar no longo prazo? Por outro lado, há quem esteja bastante deslumbrado com a nova tecnologia. A Crytek, por exemplo. Segundo afirmou o chefão da Microsoft Game Studios, Phil Spencer, à Official Xbox Magazine, a desenvolvedora anda “apaixonada” pelo Kinect.

Não por acaso, é claro. A Crytek desenvolve atualmente Ryse, jogo de pancadaria medieval projetado para funcionar juntamente com o Kinect. Isso talvez ajude a entender outra declaração de Spencer, na qual o executivo afirma que ambas as companhias vivem atualmente um “casamento perfeito”.

Mas esse caso de amor parece ser mais longo que o periférico de captura de movimentos. Ainda em entrevista à OXM, Spencer afirmou que a Crytek passou bastante perto de se tornar uma first party da Microsoft. “É uma questão de qualidade”, afirmou Spencer. “O relacionamento com a Crytek é o exemplo perfeito. Da primeira vez que nos encontramos, sete ou oito anos atrás, nós conversamos sobre a possibilidade de eles se tornarem uma first party”.

Ele continua: “Tratava-se de uma questão de o que vocês queriam fazer, o que era único para nós, e eles iriam começar a fazer Crysis, e haviam acabado de lançar Far Cry, e nós dissemos que provavelmente já tínhamos suficientes jogos de tiro futuristas, e por aí vai”. Por fim, o desenvolvimento de Ryse acabou selando um caso de amor de longa data. Mais detalhes são esperados para a próxima edição da feira gamescom. Aguarde detalhes sobre o próximo encontro amoroso entre Crytek e Microsoft aqui no BJ.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.