Voxel

Nintendo fala sobre curiosidades e problemas do Control Pad do Wii U

Último Vídeo

(Fonte da imagem: Divulgação/Nintendo)
Apesar de ser o grande atrativo do Wii U, a tela do Control Pad quase foi eliminada da versão final do console. Em entrevista ao jornal britânico The Telegraph, o presidente da Nintendo, Satoru Iwata, explicou que a companhia chegou a duvidar da validade do recurso, principalmente por conta de seu custo.

Segundo ele, um debate com a diretoria da empresa quase fez com que a touchscreen fosse retirada, já que eles não queriam que o Wii U chegasse ao consumidor a um preço inviável — o que iria influenciar diretamente em suas vendas.

Além disso, Iwata aponta que a decisão foi tão acertada que até mesmo a concorrência levou menos tempo para criar suas próprias tecnologias de duas telas. Para o presidente, enquanto foi preciso três anos para que os “filhos do Wii” começassem a aparecer, bastaram 12 meses para que Sony e Microsoft apresentassem o Vita Cross-Play e o Xbox SmartGlass. Isso apenas prova como o conceito do Control Pad foi bem aceito.

Primeiros jogos só terão suporte a um controle

Durante sua conferência, a Nintendo confirmou que o Wii U conseguirá reconhecer dois Control Pads simultaneamente. No entanto, isso não quer dizer que os jogos conseguirão fazer o mesmo — pelo menos, no início de vida do console.

(Fonte da imagem: Divulgação/Nintendo)

Em entrevista ao site Gamasutra, o presidente da divisão norte-americana da “Big N”, Reggie Fils-Aime, declarou que os primeiros títulos do sistema não utilizarão os dois tablets ao mesmo tempo. E não se trata de um problema com alguns estúdios, já que os próprios lançamentos da Nintendo também terão de esperar um pouco.

O motivo para isso, segundo ele, é que a fabricante se preocupou com a forma com que a segunda tela — no caso, o primeiro Control Pad — seria utilizada e só depois disso que eles começaram a pensar na terceira. Nesse meio tempo, as produtoras já estavam em pleno desenvolvimento. Por isso, teremos de esperar um pouco mais para aproveitar o uso de dois controles especiais.

Problemas de calibragem

Um dos problemas que tivemos durante alguns de nossos testes com o Wii U durante a E3 foi em relação à calibragem do Control Pad. Como não há um sensor como no Wii, era comum que o controle simplesmente se perdesse durante a partida, exigindo que apertássemos o botão A para voltar que ele voltasse a funcionar corretamente.

(Fonte da imagem: Divulgação/Nintendo)

No entanto, o diretor Shigeru Miyamoto prometeu algumas melhorias ao site Kotaku. De acordo com o criador do Mario, é papel da Nintendo pensar em uma forma de corrigir esse problema e em maneiras de contorná-lo. Um exemplo disso é fazer com que essa recalibragem seja parte da própria jogabilidade e não algo incômodo que atrapalhe a experiência do jogador.

Fonte: The Telegraph, Eurogamer, Gamasutra, Kotaku

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.