Nintendo e a falta de financiamento em torneios de Smash Bros.

Nintendo e a falta de financiamento em torneios de Smash Bros.

Último Vídeo

Nos últimos anos, o velho discursinho de parente de que “jogo não é profissão” tem caído cada vez mais por terra com o aumento de torneios de eSports. Ao redor do mundo todo, campeonatos de games como Fortnite, Dota 2 e League of Legends se tornaram eventos imensos, atraindo várias equipes de jogadores profissionais com grandes prêmios em dinheiro.

Infelizmente, Smash Bros. não se enquadra nesta categoria. Isso porque a Nintendo, mesmo oferecendo um certo nível de suporte, ainda se recusa a realizar premiações em dinheiro para atrair mais competidores.

Recentemente, quando questionado sobre isso pela Nikkei, Shuntaro Furukawa, presidente da empresa, afirmou que “Os eSports, no quais os jogadores competem no palco por prêmios em dinheiro enquanto o público assiste, demonstram um dos encantos maravilhosos dos videogames. Nós não nos opomos a isso. Para que nossos jogos sejam desfrutados por qualquer pessoa, independentemente da experiência, sexo ou idade, queremos poder participar de uma ampla variedade de eventos diferentes. O que nos diferencia de outras empresas, é essa visão de mundo diferente, não uma quantidade de prêmios em dinheiro”.

(Fonte: Robert Paul/Reprodução)

Por mais que seja compreensível que o foco da Nintendo seja fazer jogos para todos, independentemente do nível de habilidade, muitas pessoas não concordam totalmente com essa opinião. Juan “Hungrybox” DeBiedma – o melhor do mundo em combates no Super Smash – declarou que o pagamento que recebeu no Smash Ultimate foi totalmente vergonhoso. E que acha trágico que jogadores recebam tão pouco dinheiro para competir em eventos ao se comparar com a quantidade de audiência que o jogo recebe em troca.

Então, se a Nintendo não mudar sua visão em breve, pode ser que o número de profissionais de eSports jogando Smash comece a decair, o que pode ser um problema para manter a presença do jogo significativa dentro dessa área.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários