Voxel
13
Compartilhamentos

Nintendo pode criar sistema de processamento nas nuvens para o Wii U

Último Vídeo

Fonte da imagem: Reprodução/Nintendo
O Wii U pode não ser reconhecido pelo poder e funcionalidades de sua rede online, mas um grupo de pesquisadores da Nintendo europeia parece disposto a mudar isso. Segundo Alexandre Delattre, diretor de tecnologia da empresa no Reino Unido, um sistema de processamento nas nuvens está sendo estudado por eles.

A iniciativa partiu do fato de que a central da Nintendo, no Japão, está sempre ocupada com o desenvolvimento de funções-chave para a plataforma. Isso abre espaço para que braços internacionais explorem outras áreas, como novas programações para a GPU ou o uso de funções nas nuvens para aprimorar o console.

Não existe nenhum tipo de detalhe sobre o que exatamente está sendo desenvolvido ou quando isso pode ver a luz do dia, mas a Nintendo já está contratando especialistas europeus para esse fim.

Games videntes

A ideia da Nintendo parte do princípio de que motores gráficos e a inteligência artificial de um game seria capaz de prever os movimentos do jogador. Sendo assim, dados sobre o acontecimento que ainda está por vir podem ser enviados a um servidor nas nuvens, que calcularia, por exemplo, a destruição de um cenário e enviaria dados prontos sobre o efeito de volta para o console.

Ao contrário do Xbox One, porém, a ideia da Nintendo é que esse sistema funcione mesmo sem conexão com a internet. Só que nesse caso, a animação exibida seria bem mais simples, já que não contaria com o processamento adicional das nuvens.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.