Voxel

Novidades da Sony: sucessor do PS3 em desenvolvimento e lucros em 2010

Último Vídeo


Em uma conferência com os investidores da companhia, o diretor de finanças da Sony, Masaru Kato, explicou que a verba reservada para o setor de pesquisa e desenvolvimento da empresa aumentou por conta da produção de uma nova plataforma.

De acordo com Kato, o PlayStation 3 ainda não chegou ao final de sua vida útil. Entretanto, o seu sucessor já está em desenvolvimento porque não é possível perder tempo dentro de um ramo como o do desenvolvimento de video games. Por conta disso, os custos deste sucessor já se apresentam nas contas da empresa.

A declaração de Kato contradiz o anúncio feito pelo presidente da empresa, Kaz Hirai, em março deste ano. De acordo com Hirai, um possível PlayStation 4 não estava nos planos da Sony e o assunto não estava nem mesmo sendo debatido internamente. As afirmações do presidente da companhia foram feitas para defender o ciclo de dez anos do PlayStation 3, o qual ainda não havia chegado a metade na época.

Contudo, embora o console tenha uma longevidade superior a de seus antecessores, já há rumores de que companhias possuem kits de desenvolvimento para um sucessor do Xbox 360 enquanto a Nintendo deve anunciar oficialmente o seu Projeto Café na Electronic Entertainment Expo deste ano.

2011 começou mal, mas 2010 foi só sucesso

A Sony apresentou o balanço do ano fiscal que terminou no dia 31 de março deste ano com lucros de US$ 435 milhões (cerca de R$ 703 milhões, de acordo com a cotação vigente) e 1,3 milhão de unidades vendidas a mais do seu console PlayStation 3 do que em relação ao ano anterior.

Enquanto os lucros somaram no total US$ 435 milhões, o total obtido com vendas obteve um pequeno aumento, fechando em US$ 19,2 bilhões (R$ 31 bilhões) no ano. Foram 14,3 milhões de unidades do PlayStation 3 e 8 milhões de PSPs vendidos (1,8 milhão abaixo do ano anterior). Além disso, também foram vendidos 6,4 milhões de PlayStation 2.

Em relação aos jogos, o PlayStation 3 vendeu 147,9 milhões de unidades no último ano (115,6 milhões a mais que em 2009), enquanto o PSP vendeu 46,6 milhões de cópias (2,2 milhões a mais do que no ano anterior) e o PlayStation 2 vendeu 4 milhões.

Para o próximo ano, a empresa espera vender 15 milhões de PlayStation 3,6 milhões de PSP e e 4 milhões de PlayStation 2. Já para os softwares, a empresa planeja manter o sucesso ocorrido em 2010.

A invasão da PlayStation Network por hackers em abril e as perdas decorrentes do ataque não foram computadas pelo balanço fiscal de 2010, mas a companhia já anunciou que o prejuízo total ficará por volta de US$ 173 milhões (R$ 279 milhões).

NGP deve sair ainda em 2011

Durante a conferência em que a Sony apresentou os lucros obtidos no último ano fiscal, a companhia também realizou comentários a respeito dos planos para o seu próximo portátil, o qual deverá ser lançado até o final deste ano.


Não foi confirmado, entretanto, se o NGP terá datas de lançamento distintas em diferentes regiões do mundo ou se haverá apenas uma data para todo o mundo. Informações que devem ter sido reservadas para serem apresentadas, com sorte, durante a E3.

Retorno da PlayStation Network

Na mesma conferência, a Sony afirmou que possui planos para que todos os serviços da PlayStation Network tenham sido totalmente restaurados até o final de maio. Caso a companhia não consiga alcançar essa meta, os serviços não devem demorar mais do que alguns dias para retornar.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.