Voxel

Novo Super Smash Bros. não terá modo de história nem CGs

Último Vídeo

Img_normal

Em sua coluna bissemanal na revista japonesa Weekly Famitsu, o criador da franquia Super Smash Bros., Masahiro Sakurai, revelou novos detalhes sobre o novo game da série que está para ser lançado. Para a surpresa de muitos, nem a versão de Wii U, nem a de 3DS, terá nenhuma cutscene em animação CG, muito menos um modo de história. Segundo Sakurai, a razão disso foram vídeos dos finais de cada personagem terem caído na internet em títulos anteriores.

Em Super Smash Bros. Brawl, por exemplo, o time de desenvolvimento teve a oportunidade de colocar personagens de diferentes jogos juntos, então foi optado por elaborar a história “Subspace Emissary” com várias cutscenes para ilustrar. Como tudo isso levou tempo e trabalho para ser criado, as animações tinham o propósito de servir como prêmio para o jogador. Contudo, como os vídeos acabaram na internet, podendo ser vistos fora de contexto, Sakurai optou por remover tanto história como cutscenes.

Nem tudo são cortes de cenas

Entretanto, isso não quer dizer que o jogo esteja isento de vídeos: aqueles presentes foram feitos justamente com o intuito de serem compartilhados, ajudando assim a divulgar o game (como foi o caso do clipe do Megaman). Embora não tenha um modo de história, o criador da franquia prometeu que a versão para 3DS terá um modo diferente do versus disponível.

Falando sobre recursos, Sakurai novamente afirmou em sua coluna que as versões para 3DS e Wii U apresentarão cenários diferentes. No caso do 3DS, eles seriam tirados de jogos lançados para o portátil – porém, não foi dito se haverá ambientes compartilhados por ambas as versões. Por último, a coluna abordou a personalização dos lutadores, a qual deve alterar não apenas a aparência, como também a o desempenho deles nos combates (Sakurai também estuda a possibilidade de permitir a importação das mudanças feitas no 3DS para o Wii U).

Super Smash Bros. ainda não tem data de lançamento definida.

Fonte: Famitsu (via Kotaku)

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.