Voxel

Novos detalhes de Thief revelados; game terá mecânicas stealth refinadas e não contará com regeneração de energia

Último Vídeo

Img_normal

O hype em torno de Thief está começando a ficar lá no alto. E agora, com os novos detalhes que a Eidos Montreal revelou, a ansiedade começa a bater na porta. A sequência do consagrado game que usa técnicas gatunas, a ser lançada ao PC e para os consoles da próxima geração, está bastante promissora.

Segundo a desenvolvedora, o game será “extremamente atmosférico” e não terá regeneração de energia, adotando um sistema mais tradicional baseado em itens de cura consumíveis.

O jogo terá um minimapa e também um mapa em tela cheia para que os jogadores possam avaliar e estimar suas ações. Ele poderá ser jogado da maneira tradicional em stealth, isto é, num ritmo mais lento, sendo parcialmente baseado num esquema de sombras. “O cone de visão foi refinado. Os guardas podem olhar para cima e visualizar você. Numa situação em que dois estiverem conversando um de frente para o outro, por exemplo, eles não podem ver o que está atrás do outro porque a visão estará bloqueada”, disse a desenvolvedora.

Img_normal

Outro detalhe divulgado é sobre o lockpicking, a arte de abrir portas trancadas usando artifícios específicos na fechadura. Thief contará com dois modos: um com o Focus ativado e outro sem ativar o recurso. “O Focus ativado traz à tela uma visualização interna da fechadura. Sem o Focus, a visualização estará na frente da fechadura apenas, tornando as coisas um pouco menos óbvias”, revelou a Eidos.

Por fim, haverá uma espécie de gancho que os jogadores poderão usar para alcançar pontos altos aos quais é impossível escalar para chegar.

Thief está programado para 2014 aos consoles da próxima geração e PC.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.