Voxel
Seja o primeiro a compartilhar

"Nunca é uma decisão fácil", diz CEO da EA sobre fechar jogos online

Último Vídeo

O CEO da Electronic Arts, Andrew Wilson, falou em entrevista ao Polygon sobre os recentes desligamentos de jogos online da empresa e em que isso afeta a desenvolvedora – só neste ano, três títulos para Facebook (SimCity Social, The Sims Social e Pet Society) foram tirados do ar, sendo que um deles funcionava desde 2008. Servidores de títulos mais antigos para consoles também podem sofrer algo parecido.

"Nunca é uma decisão fácil de se tomar, simplesmente não é", disse o CEO. "Chegamos a um ponto em que a tecnologia, a arquitetura do servidor, a experiência, a atualização de conteúdo ou alguma outra coisa começa a cair para um nível em que sentimos que não estamos na posição de oferecer uma grande experiência de jogabilidade. Nessas circunstâncias, temos que decidir em superar o game e tentar providenciar diferentes e novas formas de diversão", complementa.

Não faltam esforços

Para o executivo, o caso especial dos jogos sociais é que eles dependem de uma grande e engajada base de fãs – e, se isso não acontece, o destino é inevitável. Por isso, a empresa não pode prometer uma vida útil mínima para um título, apesar de fazer todos os esforços possíveis para que ele tenha uma vida longa.

Mas o maior problema é acabar com a diversão de quem trabalhou para criar o título e passou dias inteiros jogando. "Pessoas investem tempo e energia em um game. Decidir o fechamento de um deles é algo com o qual lutamos bastante", conclui Wilson.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.