Voxel

“O PS3 ainda tem tempo pela frente”, diz chefão da divisão britânica da Sony

Último Vídeo

Img_normalSim, isso é gráfico de PS3. Beyond: Two Souls é um dos jogos que deve dar sobrevida ao console da Sony

Se o Xbox 360 está na UTI segundo os analistas, o PS3 está longe de ficar ofegante. A forte linha de games exclusivos e o suporte contínuo ao conteúdo oferecido para os assinantes da Plus devem dar sobrevida ao console da Sony. De acordo com Fergal Gara, chefão da companhia para a divisão britânica de entretenimento, o PS3 “ainda tem tempo pela frente” e o PS4 vai entrar na próxima geração com o pé direito em função de toda a estratégia bem-sucedida da Sony.

“Atingir uma forte base instalada é sempre muito, muito importante na vida de um console. E dessa vez nós estaremos tão focados quanto, senão mais, do que em qualquer geração passada, em especial começando com um preço atraente que vai nos ajudar nessa jornada. Estamos felizes por estar em boa forma no que diz respeito a isso”, explicou o executivo em entrevista ao site Official PlayStation Magazine.

Gara disse que o PS3 ainda tem lenha a queimar. “Em termos de vida do PS3, eu acredito que há muito pela frente, acho que existe uma linha incrível de jogos neste ano que é muito saudável para o console. Também acredito que veremos uma fase diferente do sucesso do PS3 versus o PS4 emergir neste ano”, otimizou.

Além do recém-lançado The Last of Us, o PlayStation 3 receberá ainda este ano Puppeteer e Beyond: Two Souls, entre outros exclusivos, totalmente localizados para o nosso idioma (dublagens e legendas em português do Brasil).

Quanto tempo de vida será que ainda tem o intrépido PS3?

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.