Voxel

Ofertas de emprego entregam especificações do próximo Xbox

Último Vídeo

Fonte da imagem: Reprodução/The Xbox Official Magazine
Embora a Microsoft continue fingindo que não sabe de nada, mais especificações “vazadas” sobre o próximo Xbox surgiram recentemente na internet. Uma nova oferta de emprego oferecida pela empresa confirma muitas das informações relacionadas ao novo hardware, as quais já foram reveladas há certo tempo por uma série de documentos disponibilizados na rede.

Ao que tudo indica, o novo aparelho realmente vai aderir à arquitetura x86, assim como o rival PlayStation 4. Isso pode ser comprovado pelo fato de que a companhia está à procura de um engenheiro de software para trabalhar no console e na Xbox LIVE que, preferencialmente, deve ter conhecimentos relacionados à tecnologia.

Estúdio entrega possíveis especificações

Quem parece já saber o hardware do console há certo tempo é o Black Tusk Studios, que supostamente está trabalhando em quatro novas propriedades intelectuais para a plataforma. Uma oportunidade de emprego disponibilizada pelo estúdio indica que ele está à procura de um profissional experiente capaz de criar “experiências single player impressionantes em um jogo AAA”.

Porém, o mais interessante é o fato de a softhouse também estar à procura de um engenheiro de serviços sênior, que será responsável por montar “um aplicativo web confiável capaz de suportar o tráfego de consoles e de dispositivos com várias telas” — informação que só serve para gerar mais dúvidas sobre o que devemos ver no próximo Xbox.

Com a confirmação de que o PlayStation 4 chega às lojas no final do ano, a demora da Microsoft em oficializar seu console só gera prejuízos à ela. Não só fica a impressão de que ela está trabalhando em mudanças de última hora para conseguir bater de frente com a Sony, como isso dá espaço para o surgimento de rumores cada vez mais loucos — muitos deles capazes de gerar expectativas que eventualmente vão causar decepção ao se provarem irreais.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.