Onde está a Rare? “Fazendo um jogo único”, diz Phil Spencer

Onde está a Rare? “Fazendo um jogo único”, diz Phil Spencer

Último Vídeo

Desde que a Rare saiu da Nintendo numa negociação milionária com a Microsoft – mais de US$ 20 milhões, para ser exato –, suas produções não chegaram ao patamar de outrora. Títulos com a tão cobiçada “magia” sempre marcaram a Rare: Banjo-Kazooie, Jet Force Gemini, Donkey Kong Country e tantos outros são só alguns do portfólio da desenvolvedora, que ainda não tem nada anunciado para o Xbox One. Mas a esperança é a última que morre, pois “um jogo único da Rare” está no forno, nas palavras de Phil Spencer, chefão da marca Xbox.

Em uma visita aos estúdios da desenvolvedora, o executivo manifestou sua felicidade e proferiu tais dizeres no Twitter. Confira só: 

Mas essa não é a primeira vez que Spencer disse isso. Em agosto, o chefão havia dito que “neste momento, com a Rare, estamos num ponto no qual não queremos que as pessoas interpretem Rare apenas como Kinect Sports. A marca Rare pode ter muito mais valor que isso a eles e aos jogadores".

Bem, resta aguardar. Eu confesso que ainda estou um tanto cético com relação a isso. A Microsoft recentemente registrou a marca Battletoads (que também é do portfólio da Rare) num projeto desconhecido, mas eu permaneço cético.

Quais são suas apostas? Um novo Banjo? Conker? Algo só para o Xbox One ou de repente para este console e o Xbox 360? Compartilhe seu palpite abaixo.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.