Voxel

Para a Ubisoft, PlayStation Vita ainda tem um potencial a ser explorado

Último Vídeo

Img_normal"Basta o produto certo com a qualidade ideal" descreve o presidente sobre o jogo que apagou meu Save duas vezes

Embora muita gente considere o PlayStation Vita um dos principais erros da Sony e uma máquina de dar prejuízo, tem quem acredite que o portátil segue exatamente pelo caminho oposto. É o caso de Yves Guillemot, presidente da Ubisoft, que comemora as boas vendas de Assassin’s Creed 3: Liberation e mostra que nem tudo está perdido.

Durante a apresentação dos relatórios fiscais da empresa para seus acionistas, Guillemot revelou que o game exclusivo vendeu nada menos do que 600 mil unidades, um número visto como bastante positivo pela empresa, principalmente diante das notícias de que o Vita não está vendendo tão bem quanto se gostaria.

Diante disso, o presidente afirma que não se deve negligenciar o aparelho e que ele realmente possui um potencial a ser explorado. Para ele, basta entregar ao consumidor o produto certo com a qualidade ideal para que isso aconteça — e é exatamente isso que os donos do portátil esperam da Sony há quase um ano.

Porém, a empolgação não foi muito além das palavras. Apesar de ter revelado que teremos um novo Assassin’s Creed chegando aos consoles ainda neste ano fiscal, ele não comentou nada sobre uma possível versão para Vita ou outro game da Ubisoft destinada para o aparelho de bolso.

Fonte: MCV

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.