Voxel

Patente da Sony mostra intenção de emular jogos antigos pela nuvem

Último Vídeo

Ao que parece, a retrocompatibilidade do PS4 pode não estar tão longe quanto se pensa. O órgão norte-americano responsável pelo registro de patentes divulgou nesta semana que a Sony está realmente interessada em usar o poder da nuvem para emular jogos, reforçando a possibilidade de usar o Gaikai para trazer jogos de PS2 e PS3 à nova geração que a empresa sugeriu no ano passado.

De acordo com o site IGN, a tecnologia é descrita como uma forma de permitir que “jogos antigos” rodem sem a necessidade de executar uma engenharia reversa em seu código. Em outras palavras, isso significa que esses títulos podem funcionar mesmo com a diferença de arquitetura do novo PlayStation com seus antecessores.

Os documentos registrados pela Sony ainda afirmam que o uso da nuvem para isso vai permitir um aumento na longevidade de jogos mais velhos. E, mais do que isso, eles apontam que o jogador não quer apenas reviver velhas experiências como encontrar novas. Assim, com essa nova tecnologia, os desenvolvedores poderão introduzir mini games inéditos, além de objetivos e desafios exclusivos, fazendo com que esse “legado” se torne ainda mais rico.

Desse modo, mais do que simplesmente oferecer a tão esperada retrocompatibilidade, a companhia ainda quer inserir novos conteúdos — por menores que eles sejam — para manter o jogador engajado naquilo.

Porém, vale lembrar que essa é apenas uma patente e isso não quer dizer que essa tecnologia aparecerá em breve no console — se é que vai sair do papel um dia. Tanto que, segundo a IGN, o registro foi feito no dia 29 de junho de 2012 e publicada somente agora. Ainda assim, até o momento, a Sony não fez nenhum comentário sobre os avanços do uso da nuvem para trazer jogos antigos ao PS4. Mas sonhar não custa nada, não é mesmo?

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.