Voxel

Perder o filme de Halo foi a melhor coisa que já aconteceu a Neil Blomkamp

Último Vídeo

Img_normal
O diretor Neil Blomkamp deu uma declaração que vai contra o pensamento de muitos diretores iniciantes ou com pouca fama. Segundo ele, perder a direção do filme de Halo foi um dos maiores golpes de sorte de sua carreira, já que permitiu que ele fizesse o longa que levou sua carreira para frente: “Distrito 9”.

Ele conta que o filme – uma história sobre o preconceito humano contra uma rala alienígena que cai na Terra – surgiu a partir das reuínas da ideia de Master Chief. Com Peter Jackson (de “O Senhor dos Aneis”) no posto de produtor, as ideias de Blomkamp puderam se tornar realidade e ele aprendeu a confiar no próprio taco. Algo que não teria acontecido caso ele tivesse chegado aos olhos do mundo com uma adaptação.

O cineasta explica que, ao dirigir uma obra de grande estúdio já baseada em outra, muito do próprio controle e criatividade não podem ser exercidos. A própria agência de Blomkamp é instruída a nem repassar a ele projetos desse tipo, tirando um bom número de franquias selecionadas especialmente por ele, por ser fã.

O próximo trabalho de Neil Blomkamp é “Elysium”, outra ficção-científica com Matt Damon, Jodie Foster, Alice Braga e Wagner Moura. O tema da vez é a desigualdade social.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.