Voxel

Prévia – Conheça o rFactor, simulador de corrida usado pela equipe Williams

Último Vídeo

Você acha que Gran Turismo é o melhor simulador de corrida do mundo? Bom, prepare-se para mudar de ideia. Utilizado como software de treino para a equipe Williams de Fórmula 1, rFactor possui uma verdadeira legião de fãs ao redor do planeta e acaba de ganhar uma versão em mídia física durante a BGS 2013 (até então, o game era distribuído somente via cópias digitais).

Mas não pense que o título conta com gráficos hiper-realistas ou coisa do tipo: muito pelo contrário. rFactor foca apenas na experiência de direção, sendo leve o suficiente para rodar com perfeição em um PC Pentium de 1,0 GHz, 256 MB de RAM e 64 MB de vídeo.

Jogando do seu jeito

Curioso também é o fato do jogo ser aberto para customizações: você pode personalizar seus carros, baixar novas pistas e fazer download de modelos criados por outros usuários. Basicamente, estamos falando de um game criado por uma comunidade internacional de apaixonados por automobilismo. rFactor já vem “de fábrica” com 12 carros, mas é possível inserir até fuscas e outros veículos variados pelos quais você se interesse em pilotar.

O mesmo ocorre com os circuitos: o pacote “básico” oferece 14 pistas diferentes, mas basta uma rápida pesquisa para encontrar até mesmo uma versão fiel do Autódromo de Interlagos.

O mais interessante de toda essa liberdade de customização é a possibilidade de expandir o jogo para outros tipos de esportes automobilísticos além do F1. Há mods que lhe permitem ser um piloto em competições de stock car, ralis, torneios de karts e até mesmo eventos off-road.

Reprodução/rFactor Brasil Team

Simulação de nível superior

A equipe do BJ experimentou o título em um cockpit montado especialmente para a BGS 2013, composto por volante, pedais e câmbio do kit Logitech G27 (já analisado pela equipe do Tecmundo). Embora o jogo esteja sendo distribuído aqui pela BoxWare, o stand contou com direção do rFactor Brasil Team, uma das maiores ligas brasileiras do game.

Não há dúvidas de que rFactor seja realmente um simulador profissional, especialmente quando você o experimenta em um cockpit detalhadamente construído para recriar a sensação de estar dentro de um carro de verdade. O clássico “acelerar como se não houvesse amanhã” não funciona aqui, sendo necessário respeitar os mesmos princípios físicos que você enfrenta no seu automóvel convencional. Fazer curvas sem diminuir a velocidade, por exemplo, é pedir para acabar beijando uma parede.

Reprodução/rFactor Brasil Team

A versão do game em mídia física – lançada especialmente para o mercado brasileiro durante a BGS 2013 – já pode ser encontrada em lojas especializadas pelo valor sugerido de R$ 99.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.