Voxel

Prey 2: foco single player e novos recursos criativos

Último Vídeo

Img_normal

Prey 2 deve ter cerca de 15 horas de jogo. Mas isso não deve ser um problema, garante a desenvolvedora Human Head. Isso porque, mesmo sem incluir qualquer modo multiplayer, o shooter trará todo um mundo aberto para se explorar, o que deve garantir mais algumas boas horas de jogo. “Nós estamos focados em produzir uma experiência single player forte e poderosa”, afirmou o produtor, Chris Reinhart, em entrevista ao site Eurogamer.net.

É claro, há ainda os bons auspícios da Bethesda, responsável pela produção do game, “que se provou mestre quando a questão é desenvolver experiências single player intensas”. Reinhart continua: “Trata-se de um desafio interessante. Isso nos fez mudar algumas diretivas. A experiência single player tinha que ser maior. Existe [agora] mais escolha para o jogador. Existe mais para se fazer”.

Sobre a decisão da Human Head de tirar o multiplayer de Prey 2, Reinhart afirma que foi uma questão de foco. “É melhor focar a sua energia em um ou outro. Se existe uma questão de foco e você pode se focar apenas em um, faça isso.” E mais, fica ainda a sugestão para que mais desenvolvedoras façam o mesmo — em vez de seguir competindo com a experiência online consolidade em jogos como Call of Duty. “Seria ótimo que mais pessoas se focassem na experiência single player”, afirmou o produtor.

“Por que ninguém havia pensado nisso antes?”

Eis a frase que o homem por trás de Prey 2, Chris Reinhart, gostaria de ouvir abundantemente assim que o jogo fosse lançado. Durante evento recente conduzido pela Bethesda, Reinhart explicou como a Human Head pretende manter o clima de originalidade pelo qual o primeiro jogo é conhecido.

Img_normalOu melhor, como seria possível manter a mesma criatividade... sem se valer dos mesmos velhos truques. “Esse era o grande ponto em Prey”, afirmou Reinart. “Nós levávamos os jogadores até a Sphere e dávamos a eles uma jogabilidade que não havia sido vista antes em um jogo de tiro em primeira pessoa. (...) Muitas pessoas vieram conversar comigo posteriormente dizendo coisas do tipo, “Isso é interessante, por que ninguém havia feito isso antes em um jogo?’ É exatamente essa reação que nós queremos para Prey2”.

Ademais, o produtor afirma que a busca por originalidade se estendeu também para o personagem central da trama, o que significou deixar o índio cherokee Domasi “Tommy” Tawodi de lado como personagem principal — embora ele ainda apareça em algum momento da trama.

Os holofotes agora estarão sobre Killian Samuels, xerife e guarda de prisão capaz de executar vários movimentos estilo parkour (embora isso já tenha sido visto anteriormente). “Nós mantemos Tommy no jogo, mas queremos explorar outras partes do universo”.

Prey 2 deve chegar às prateleiras em algum momento de 2012, com lançamentos previstos para PC, PS3 e Xbox 360. Fique ligado para mais novidades.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.